A menina caiu do brinquedo conhecido como A Torre Eiffel

Menina que faleceu no parque Hopi Hari era evangélica

Atualizado: Segunda-feira, 27 Fevereiro de 2012 as 9:33

Gabriela Mishimura, 14 passava férias no Brasil depois de nove anos morando no Japão e ao visitar o parque de diversões Hopi Hari em Vinhedo caiu do brinquedo A Torre Eiffel, um elevador de 69 metros de altura, altura de um prédio de 23 andares. Depois de serem erguidos, os visitantes mergulham  em queda livre, chegando à velocidade de 94 km/h.

Testemunhas disseram que a menina se desprendeu a quase 30 metros do chão - quando foi acionado o freio. Gabriela morreu antes de chegar ao hospital. 

Em entrevista ao Fantástico, os pais revelaram que a família é evangélica e que oraram pela recuperação da filha. Sua mãe declarou entre lágrimas “Eu ouvi um barulho muito forte e ouvi o grito da minha sobrinha. Eu não sei como eu destravei o brinquedo, ou como eu tirei. Quando eu vi, eu já estava ali praticamente ajoelhada orando com ela”.

A família vive no Japão há 9 anos. E a nove não vinham ao Brasil. “A gente saia pra comer, a gente ia pra igreja, a gente dançava. A gente fazia tudo juntas”, lamenta. 

 

veja também