Ministério incentiva ajuda aos órfãos

Ministério incentiva ajuda aos órfãos

Atualizado: Segunda-feira, 11 Outubro de 2010 as 9:56

O número de órfãos tem crescido entre a população mundial. Além disso, é crescente o número de crianças vendidas pelo tráfico humano. É uma tragédia que só agora está se tornando um problema para os cristãos. No entanto, há muito mais que pode e deve ser feito a partir da Igreja local.

O Florida Baptist Children's Homes e o Orphan's Heart lançaram recentemente uma campanha especial intitulada “40 dias para o órfão”, a fim de aumentar a conscientização sobre a situação das crianças órfãs e desfavorecidas em todo o mundo. A campanha vai até 07 de novembro.

Dr. Jerry Haag, presidente da Children's Homes e do Orphan's Heart, diz que eles esperam incentivar mais pessoas a estudar formas que possam ministrar a crianças órfãs e desfavorecidas, quer na sua própria comunidade ou no exterior em uma viagem missionária internacional. "Um dos nossos principais objetivos é incentivar mais pessoas a se envolverem no serviço do pai, como através da adoção de cuidados, participando de uma viagem missionária internacional ou como voluntária para servir as crianças órfãs ou carentes de sua comunidade”, afirma Haag.

O ministério “40 dias para o órfão” é um evento nacional que foi criado como uma forma de trazer uma maior atenção e consciência para o mandamento bíblico de ministrar às crianças órfãs.

Igrejas podem participar de diversas formas, como apresentar um sermão sobre o órfão, divulgar e a realização uma oração em congregação para as crianças, e depoimento de pais adotivos.

Dr. Haag diz que a campanha de 40 dias é também uma forma de o corpo de Cristo se unir e mostrar ao mundo o cuidado do povo de Deus com os órfãos. "Há mais de 140 milhões de crianças órfãs em todo o mundo. Essas crianças sofrem desproporcionalmente de extrema pobreza, desnutrição, doenças e maus tratos físicos e emocionais".

Haag continua a dizer que "há também mais de 100 mil crianças nos Estados Unidos que estão à espera de ser adotadas. Se as famílias em nossas igrejas as 100 mil crianças dos Estados Unidos, o mundo iria perceber que há algo diferente em nós: Olha, eles amam as crianças! Pense na diferença que faria em cada uma daquelas crianças que teriam uma família para sempre e uma casa cristã”.

Dr. Haag também está incentivando as pessoas a ajudarem essas crianças. "Gostaria de encorajar as pessoas de todas as idades para orar sobre a possibilidade de ser uma testemunha até aos confins da terra, indo conosco para prestar assistência aos orfanatos e centros de acolhimento de crianças no mundo em desenvolvimento".

veja também