Morre Pastor emérito da Igreja Presbiteriana da Gávea

Morre Pastor emérito da Igreja Presbiteriana da Gávea

Atualizado: Sexta-feira, 13 Maio de 2011 as 11:11

No último domingo, 8 de maio de 2011, faleceu no Rio de Janeiro, Rev. Elias Medeiros, pastor emérito da Igreja Presbiteriana da Gávea.

Rev. Elias era conhecido como o “pai dos jovens” na Igreja da Gávea, ao lado de sua esposa, carinhosamente chamada de “tia Dóris”. Pastoreou a igreja durante 25 anos, com uma importante participação no início dos trabalhos da comunidade.

“O trabalho na Gávea seguiu com a cooperação e a dedicação de muitos, mas somente ganhou expressão após a contratação do Rev. Elias Medeiros, como pastor auxiliar e missionário. O jovem Rev. Elias e a esposa Dra. Dóris foram apresentados à Igreja Presbiteriana de Copacabana na manhã do dia 24 de janeiro de 1965. Este casal, vindo de Minas Gerais, se alojou em parte das dependências do Lar Presbiteriano, no próprio local onde deveria desenvolver sua missão. Logo o Rev. Elias propôs um plano de reforma nas casas da Rua dos Oitis. O Conselho concordou e designou uma comissão para acompanhar as obras. Em 1967, o Conselho de Copacabana transferiu, oficialmente, 126 membros, 81 maiores e 45 menores, para integrar a Congregação da Gávea, autorizou o Rev. Elias Medeiros a prestar serviços à futura igreja até esta escolher seu próprio pastor”. (Extraído do site www.ipgavea.org ).

Em texto, escrito sobre a morte do pastor, Izabel Lacerda Salviano da Costa, membro da IPB Cachoeiro de Itapemirim (ES), relata a admiração pelo Reverendo que pastoreou seus filhos, no tempo em que estudaram no Rio de Janeiro. “Ele não foi só  o pastor, mas ao lado da tia Doris como era chamada pelos jovens , era o amigo , o conselheiro, o pai  dos jovens da IPB da  Gávea e  sobretudo um homem  de Deus,  que nunca se omitiu em ajudar qualquer pessoa , que procurasse seu auxilio. Já chorei muito e sempre que abro  meus e-mails sinto a sua presença porque ele era o pastor da Igreja Virtual , enviando lindas mensagens, noticias e cumprimentando cada membro da IPB da Gávea . embora estivesse jubilado . Suas  mensagens eram diárias e ele se preocupava com os nossos problemas , nunca se omitindo , mas sempre ajudando quando possível”, declarou.

veja também