Mulher de Kaká, posta foto usando burca em Dubai e causa polêmica

Cristã, Carol Celico causa polêmica ao usar roupa muçulmana

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:17

Carol Celico, cristã e ex-pastora da igreja Renascer, causou polêmica ao publicar em seu Twitter uma foto usando roupa muçulmana.

Na foto, ela aparece ao lado da cunhada, vestindo um chador, o véu negro que cobre o corpo e, em alguns casos, o rosto das mulheres.


"Minha cunhadinha e eu de burca para visitarmos uma mesquita!", escreveu ela na legenda da imagem.


Carol e sua cunhada estão em Dubai, nos Emirados Árabes. Minutos antes, ela postou uma foto do bolo que ganhou para comemorar os seis anos de casamento com o jogador.


Há 2 anos ela deixou a Igreja Renascer, que frequentava desde os 16 anos de idade, por considerar que estava muito fanática e com maus hábitos sociais.


“Ia para a igreja, era super heroína da fé, super pastora, mas chegava em casa e tratava mal a pessoa que trabalhava para mim. Me envolvi completamente, fui fanática. Me achava superior. E essa é das piores características que já tive na vida,” contou ela em entrevista à Revista IstoÉ.

No entanto, ela assume a sua culpa pelo exagero e fanatismo, “Absorvia o comportamento das outras pessoas da minha igreja, gente que não podia dar o que não recebeu [como carinho, educação e respeito]. Não queria isso para mim.” Sem revelar detalhes, ela também afirmou que descobriu coisas na Renascer que não conseguia aceitar.


Hoje ela não pertence a nenhuma igreja, ora em casa, sem intermediários e com a sua família. Além disso, está se dedicando à sua carreira musical e à criação do site Amor Horizontal, que tem como objetivo arrecadar doações de produtos de higiene, alimentação e saúde.


“Quero ajudar pequenas instituições que cuidam de crianças carentes, seja qual for a fé que elas praticam”, revela orgulhosa.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições