Mulheres da Bíblia - A viúva de Sarepta

Mulheres da Bíblia - A viúva de Sarepta

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:24

A história da viúva de Sarepta começa com o cuidado de Deus pela vida de Elias. Era uma época de secas e de sobrevivência (1 Reis 17:1), mas o profeta pode viver do sustento vindo do Senhor (1 Reis 17: 2-6). O tempo passou, o ribeiro que dava água a Elias secou e, nesta hora, Deus ordena que ele vá a Sarepta, para receber ajuda de uma viúva (1 Reis 17: 8-9).

O nome dela não é citado na Bíblia, mas ela nos deixou um exemplo de obediência e humildade. Ela vivia com o filho e tinha apenas o suficiente para os dois. Depois disso, iriam morrer.

Mesmo nestas condições, a viúva obedeceu a Elias e fez um bolo com o pouco de farinha e azeite que tinha. Ela colocou sua fé em prova, acreditando na palavra do profeta (1 Reis 17:12-16). Desta forma, deu espaço para que acontecesse um milagre em sua vida.

O mais impressionante é que ela se abriu para acreditar em um Deus que não conhecia, se permitiu acreditar em uma única chance que tinha para ajudar alguém, mesmo que isso trouxesse morte para a sua casa. Mas foi exatamente o contrário que aconteceu, porque Elias, a viúva e o filho dela comeram ainda por muitos dias.

Deus supre todas as necessidades

Quantas vezes passamos por situações difíceis e estamos com o coração fechado com tantas preocupações, incapaz de ver a situação da pessoa que está ao lado. Elias também estava com fome, e a viúva tinha pouco, para o sustento de si mesma e do filho.  Mas Deus a usou para sustentar seu profeta e, assim, sustentou a todos. Esta é a prova de que o Senhor se preocupa com nossos problemas.

Depois disso, o filho da viúva ficou muito doente e morreu. Ela chegou a colocar em cheque a servidão de Elias (1 Reis 17:18). Mas o Senhor estava colocando sua fé em prova novamente. O profeta pegou o menino e clamou a Deus até que ele recebesse vida de novo (1 Reis 17:19-22). Quando Elias entregou a criança viva nos braços da mãe, ela o reconheceu como um homem de Deus verdadeiro (1 Reis 17:23-24).

Agora pense: quantas coisas ruins aconteceram? A seca, a fome, a morte. E quantas coisas nos cercam diariamente também, como as dívidas, a violência, a falta de amor, de compreensão, as necessidades, enfim. Tudo pode nos levar a não acreditarmos. Porém, a fé é algo inexplicável, e só vive o milagre quem tem coragem de colocá-la em prática.

Deus demonstrou que se preocupava com eles. Enviou Elias para um lugar onde todos teriam sustento e ressuscitou o único filho de uma mulher que já não tinha a presença do marido.

A viúva de Sarepta é um exemplo de que não podemos nunca deixar de acreditar, apesar das circunstância ao redor. Mesmo sem ver uma solução, ela chegará de uma forma surpreendente. Basta tão somente crer.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições