Não se esqueça da insistência

Não se esqueça da insistência

Atualizado: Terça-feira, 19 Novembro de 2013 as 7:59

oraçãoPeçam, e lhes será dado; busquem, e encontrarão; batam, e a porta lhes será aberta. [Mateus 7.7, NVI]
 
Não basta orar. É preciso orar com insistência. Pelo mesmo assunto ou por outros. A insistência é como um teste que coloca em evidência a firmeza de sua fé e a firmeza de seus propósitos. Se você ora uma vez e vai embora, isso significa relaxamento, desinteresse e superficialidade na oração. É para orar mais de uma vez, é para buscar mais de uma vez, é para bater à porta mais de uma vez (Mt 7.7-11).
 
Lembre-se das duas histórias que contei aos discípulos. Em ambas, procurei mostrar a importância da insistência. Se aquele homem que precisava de três pães para alimentar um amigo que tinha acabado de chegar de viagem não tivesse batido várias vezes à porta da casa do vizinho, seu pedido não teria sido atendido (Lc 11.5-8). Se aquela viúva injustiçada não tivesse procurado o juiz incrédulo e corrupto várias vezes para que ele lhe fizesse justiça, ela continuaria na mesma situação (Lc 18.1-8).
 
O momento certo do atendimento é da esfera do meu Pai, mas a perseverança da oração é da sua esfera. Não se esqueça da insistência.
 
— Preciso orar perseverantemente pelas mesmas necessidades ainda não supridas!
 
 
- Elben César
>> Retirado de Refeições Diárias com Jesus
 

veja também