Natal é a consumação da maior dádiva de Deus ao homem

Natal é a consumação da maior dádiva de Deus ao homem

Atualizado: Quinta-feira, 13 Dezembro de 2012 as 8:48

 

Devemos, ou não, comemorar o Natal?
 
Dia 25 de dezembro se aproxima e algumas pessoas desconhecem o real significado da data.
 
Alguns cristãos comemoram e outros são contra a comemoração do Natal por motivos específicos.
 
Em seu facebook, o reverendo Hernandes Dias Lopes escreveu dois textos sobre o assunto, nos quais também comenta os motivos da não celebração de alguns cristãos. Leia:
 
 
Natal é a evidência mais eloquente do amor de Deus aos pecadores. 
 
Quando Deus criou o universo, fê-lo pela palavra do seu poder. Quando Deus criou o homem, colocou a mão no barro. 
 
Porém, quando Deus desceu para resgatar o homem, entrou no barro, pois o Verbo se fez carne, vestiu pele humana e armou sua tenda entre nós. 
 
Natal é a consumação da maior dádiva de Deus ao homem. Deus deu tudo, deu a si mesmo. Deus seu Unigênito Filho.
 
                                             
 
 
O Natal é a celebração do nascimento de Jesus, o Filho de Deus. 
 
Muitos cristãos hesitam em comemorar o Natal e outros chegam mesmo a fazer oposição a essa comemoração, em virtude de não sabermos, com exatidão, a data precisa em que aconteceu esse fato auspicioso. 
 
Ainda outros desaconselham a celebração do Natal em virtude dos vários adendos acrescidos à festividade como presépio, árvore enfeitada e Papai Noel. 
 
Entendemos, que esses acréscimos não fazem parte do verdadeiro Natal e não devem distrair nossa atenção. Precisamos, portanto, resgatar o verdadeiro sentido do Natal e devolvê-lo a seu verdadeiro dono, Jesus Cristo, nosso Salvador.
 
 

veja também