A Necessidade Mais Urgente da Igreja

A Necessidade Mais Urgente da Igreja

Atualizado: Quarta-feira, 27 Julho de 2011 as 7:51

Pastor, gostaria de saber se o senhor concorda com estes dois parágrafos do livro Pregação e Pregadores, de Martyn Lloyd-Jones:

Entretanto, em última análise, a minha razão é que a obra da pregação é a mais elevada, a maior e a mais gloriosa vocação para a qual alguém pode ser chamado. Se alguém quer conhecer outra razão, eu diria, sem hesitação, que a mais urgente necessidade da igreja cristã, na atualidade, é a pregação autêntica. E, visto que esta é a maior e mais urgente necessidade da igreja, evidentemente ela é também a maior necessidade do mundo. 1

Você crê nisso? Você crê que foi chamado à mais elevada, à maior e à mais gloriosa vocação para a qual alguém pode ser chamado? Você crê que a necessidade mais urgente da igreja não é melhores programas, melhores princípios de liderança, e sim melhor pregação? Você crê, pastor, que a melhor maneira de servir ao mundo é encher-se plenamente da Palavra toda semana e esvaziar-se na pregação todo domingo?

Eis a outra citação:

Estamos aqui com a finalidade de pregar esta Palavra; esta é a tarefa primordial. “Quanto a nós, nos consagraremos à oração e ao ministério da Palavra.” Ora, nesta passagem as prioridades são estabelecidas de uma vez para sempre. Esta é a tarefa primordial da igreja, a incumbência primária dos líderes da igreja – aqueles que foram colocados nesta posição de autoridade.

E não podemos permitir que qualquer coisa nos desvie disso, por melhor que seja a causa, por maior que seja a necessidade.

Esta é, com certeza, a resposta direta a muito daquele falso pensamento e raciocínio a respeito destas questões, nesta época.
Isso é correto? Você crê que a tarefa primordial da igreja não é redimir o cosmos e fazer um céu na terra, e sim pregar a Cristo crucificado? Você crê que sua tarefa primordial, como líder de igreja, não é transformação cultural, e sim a proclamação do evangelho? Você crê que a Palavra de Deus fará a obra de Deus?

Lembre, pastor, quando você vai ao púlpito, no domingo, que você é conjurado na presença de Deus e Cristo Jesus, que há de julgar os vivos e os mortos, em sua manifestação e em seu reino: pregue a Palavra.

Blog: The Gospel Coalition – The Most Urgent Need in the Church

veja também