Nívea Soares comenta a morte de Michael Jackson

Nívea Soares comenta a morte de Michael Jackson

Atualizado: Sábado, 4 Julho de 2009 as 12

"Pra vencer a morte é necessário ser mais do que famoso, rico, talentoso, e heroi. É preciso ser Deus", afirmou Nívea Soares em seu blog na última sexta-feira, dia 26, sobre a morte de Michael Jackson. A cantora relembra as inovações do astro pop quando ainda era criança e reflete a respeito da posição ocupada pelas personalidades de destaque. "Nós os vemos como invencíveis, gente que parece estar acima do bem e do mal e, até mesmo, acima da vida e da morte".

Confira:

"Uma das características mais interessantes a respeito dos ícones, é que estão numa posição de tanta fama e prestígio, que no pensamento geral são verdadeiros super-homens. Nós os vemos como invencíveis, gente que parece estar acima do bem e do mal e, até mesmo, acima da vida e da morte. Mas a morte não respeita a fama , nem o prestígio e nem o dinheiro. Ela vem sem avisar sobre maus e bons, ricos e pobres, famosos ou anônimos. É claro que sabemos disso. Mas por estarmos tão acostumados com a presença dos ícones e com o legado que produzem, temos certa dificuldade em vê-los como seres humanos frágeis, necessitados e mortais que verdadeiramente são.

Penso que ficamos todos chocados com a morte repentina de Michael Jackson, o homem que foi sinônimo de entretenimento, que marcou e mudou a história da música mundial.  Me lembro de quando eu era criança e adolescente e assistia de olhos estatalados na tv os seus emocionantes, inovadores e até assustadores video clipes. Com certeza ele foi, como alguns já afirmaram, um divisor de águas na música pop mundial. Lamento profundamente por seus filhos e família, mas também pela arte que perde mais um de seus ícones. Triste.

Temos esta necessidade gritante de ver heróis que superem, vençam a vida, mas estranha e supreendentemente esperamos também que driblem e vençam a morte. É e foi possível para muitos heróis superarem e vencerem a vida, mas apenas para Jesus foi possível vencer a morte. Isso porque para vencer a morte é necessário ser mais do que famoso, rico, talentoso e herói. É preciso ser Deus. Incrivelmente, o Deus que se fez homem seguiu o caminho contrário dos heróis: Ele abriu mão de sua vida e através da morte alcançou a vitória que manteve de pé toda a historia humana. Através da Sua morte Ele mudou a história de muitos que viviam sob a superficialidade, condenação,  tristeza e morte que o pecado produz. Ele trouxe a verdadeira esperança quando no terceiro dia rompeu as cadeias e tomou as chaves da morte e do inferno em Suas mãos. Jesus ressuscitou! Esta é a nossa esperança! Este sim é Deus! Ele é a fonte da verdadeira vida! O Pai das luzes e a fonte de todo dom perfeito, de toda a bondade, de todo amor e esperança! Ele deu Sua vida e venceu a morte! Todas as coisas subsistem por Ele: Jesus! A Ele seja a glória pelos seculos dos séculos!

Um abraço a todos!

Nivea".

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também