Nívea Soares: A graça que regenera

Nívea Soares: A graça que regenera

Atualizado: Terça-feira, 29 Janeiro de 2013 as 1:57

 

 

No blog de Nívea Soares, junto com as notícias do ministério há alguns textos com meditações.
 
Entre os textos, há um em que a ministra publica o esboço de uma das células online, sobre graça.
 
Confira a publicação:
 
 
1) A graça é para aqueles que se colocam debaixo dela.
A arca de Noé era o meio disponível de salvação, mas apenas Noé e sua família creram e entraram nela com os animais.
“veio para os seus, mas os seus não o receberam. Mas a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, à saber, os que crêem no seu nome “João 1:11-13.
 
2) Os atos comprovam a fé
Cremos na salvação pela graça, por meio da fé e sem as obras, mas existe um mau entendimento, distorção dessa doutrina, quando usamos dela para dar vazão à nossa carne.
 
“Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pela caridade. Porque toda a lei se cumpre numa só palavra, nesta: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. Se vós, porém, vos mordeis e devorais uns aos outros, vede não vos consumais também uns aos outros. Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne”, Gálatas 5:13-16.
 
“Julgando nós assim: que, se um morreu por todos, logo todos morreram. E ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou”, 2 Coríntios 5:14-15.
 
A fé cristã não é apenas uma proclamação verbal de que cremos em Deus, mas é uma sujeição total à sua pessoa. A fé sem obras, “atos de justiça” é morta, de acordo com Tiago 2:17. A graça de Deus nos é oferecida gratuitamente, mas não podemos perder a noção do seu valor. É necessário ter ações que comprovem que fui justificado por Jesus e que tive um real encontro com ele.
 
“Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie.
Porque somos criação de Deus realizada em Cristo Jesus para fazermos boas obras, as quais Deus preparou de antemão para que nós as praticássemos”. Efésios 2:8-10
 
3) As atitudes do Reino
O sermão do monte (Mateus 5, 6 e 7) nos mostra quais são as atitudes do Reino de Deus. Deus não exige de nós perfeição, mas ele espera que não nos conformemos com a maneira como estamos. Humildade de espírito, lamento, mansidão, fome e sede de justiça, misericórdia, pureza de coração, promoção da paz e consequente perseguição por causa da justiça, são características manifestadas por um discípulo de Jesus.
Atos de justiça – Mateus 6 mostra disciplinas espirituais (comunhão com Deus) como justiça sendo exercida diante de Deus; Apocalipse19:8 – a noiva do cordeiro estará vestida com vestes de justiça).
 
4) Deus não compactua com o pecado
Tiago 4:6 diz que “Deus resiste ao soberbo, mas dá graça ao humilde”
“Pois o Senhor dos exércitos tem um dia contra todo soberbo e altivo, e contra todo o que se exalta, para que seja abatido (Is 2:12).
“Embora esteja nas alturas, o Senhor olha para os humildes, e de longe reconhece os arrogantes”. Salmo 138:6
 
graca
 
Deus odeia o pecado e trará juízo sobre aqueles que amam a prática do pecado
A ira de Deus é contra os que praticam a iniquidade.
A ira de Deus é a sua reação diante da iniquidade: juízo.
 
Salmo 5:4-6
Efésios 5:1-6
 
5) Há uma recompensa para os que andam em Espírito
Gálatas 6:7-9
 
É necessário permanecer na sã doutrina apesar da resistência de alguns.
2 Timóteo 4:1-5
 
Não podemos amar o mundo – 1 João 2:15
 
Não amem o mundo nem o que nele há. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele.
 
Pois tudo o que há no mundo – a cobiça da carne, a cobiça dos olhos e a ostentação dos bens – não provém do Pai, mas do mundo.
 
O mundo e a sua cobiça passam, mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre.
 
Às vezes só exercemos fé para alcançar nossas bênçãos, curas e provisão de que necessitamos, mas não temos fé para vencermos as inclinações da nossa carne.
 
Quem conhece a Deus caminha em obediência a Ele:
1João 2:3,4
 
Sabemos que o conhecemos se obedecemos aos seus mandamentos.
 
Aquele que diz: “Eu o conheço”, mas não obedece aos seus mandamentos, é mentiroso, e a verdade não está nele.
 
A mesma graça que nos resgatou nos capacita a sermos santos
Gálatas 5:22-25
 

veja também