Nova sede da Igreja Renascer em Cristo será ecologicamente correta

Nova sede da Igreja Renascer em Cristo será ecologicamente correta

Atualizado: Quarta-feira, 8 Abril de 2009 as 12

Pouco menos de três meses após o trágico desabamento do teto da Sede Internacional da Igreja Apostólica Renascer em Cristo, o projeto para a construção do novo templo já está pronto. Apresentados para milhares de pessoas na Ceia de Oficiais de abril, realizada no último sábado (dia 04), no Ginásio do Ibirapuea, os detalhes em 3D da futura igreja apontaram para algo inédito: a nova sede será a primeira igreja ecologicamente correta do Brasil. “A obra é grande e maravilhosa. Vamos fazer o que nunca foi feito e entregar nosso melhor”, conta o líder da igreja, Apóstolo Estevam Hernandes. “Tenho a certeza de que todos dirão que foi por intermédio de Deus que faremos essa obra”, completa.

O projeto foi desenvolvido pelo arquiteto José Lucena, que já atuou em mais de 450 projetos ao longo de 30 anos de carreira. "Eu não queria fazer simplesmente o projeto que estava antes. Eu vou obedecer o que já existia, mas teremos uma série de modificações".

"O templo vai falar por si só. Já que estamos fazendo algo inovador pensamos em algo para ter um planeta melhor. E vamos fazer uma igreja verde. Vai ser a primeira do mundo. Teremos economia de água, de gás carbônico. Não vai onerar em nada o meio-ambiente", revela a ecologista Fabiana Sobreda, que também participa dos trabalhos.

Além da preocupação com a sustentabilidade, o projeto da nova sede da Igreja Apostólica Renascer em Cristo prevê uma série de mudanças em relação ao prédio antigo. O novo templo terá representada a revelação dada ao Apóstolo Estevam no dia anterior à tragédia. "Pensamos na parte espiritual. Tentamos colocar a revelação que o Apóstolo teve. No púlpito terão pilares e atrás vai haver um espelho d’água. Atrás desse espelho, teremos uma vegetação", conta a arquiteta Luciana Moroni.

A proposta da nova sede é garantir maior visibilidade a todos os freqüentadores, independente do local onde eles estiverem. "Além disso, no terreno ao lado, teremos uma praça, que seria vista através dos vidros internos da igreja. O ambiente interno será moderno e casará com o externo. Teremos uns pilares e as pessoas que olharem para eles verão mensagens bíblicas do Gênesis ao Apocalipse", completa José Lucena.  

A acessibilidade também foi pensada no projeto. "Teremos banheiro para cadeirantes, corredores confortáveis, saídas de emergência. Calculamos a vazão para tudo isso. Serão acomodadas 358 pessoas, mais as galerias laterais, que terão acesso por escada e elevadores. Teremos poltronas de teatro para oferecer o máximo de conforto possível", explica Luciana Moroni.

Além do templo principal, a nova sede da Igreja Apostólica Renascer em Cristo terá um prédio de apoio, onde ficarão as salas do Baby, Teen, Kids e do Projeto Amar. "Teremos um boulevard, que vai dar acesso a esse prédio. A entrada será pela rua Robertson, onde também será o acesso à garagem", diz a arquiteta Monique Nadine. 

Segundo o Apóstolo Estevam Hernandes, nos próximos três meses o projeto e as plantas executivas devem ser aprovadas. "Creio que em um ano e alguns meses essa obra será concluída, mas, claro, o tempo pertence ao Senhor", pontua. "Deus deu um cantinho do Céu projetado no número 1108 da Avenida Lins de Vasconcelos, no Cambuci", conclui a Bispa Sonia Hernandes.

veja também