Número de cristãos aumenta no Irã

Número de cristãos aumenta no Irã

Atualizado: Terça-feira, 17 Março de 2009 as 12

Muitas pessoas vêm se tornando cristãs no Irã. De acordo com o presidente do ministério Words of Hope, Lee DeYoung, essas conversões são vistas como "uma séria ofensa ao país, e o governo continua a perseguir os suspeitos de se converterem". "Ainda ouvimos relatos de investigações do governo", diz DeYoung, "e as pessoas são chamadas para responder por supostas atividades cristãs".

Muitos convertidos são obrigados a exercer sua fé em igrejas clandestinas, para evitar os olhos observadores dos oficiais. "O governo iraniano ainda está muito preocupado e vigilante", afirma DeYong.

O presidente do ministério acrescenta que a conversão pode ser punida com morte. Entretanto, muitos iranianos estão cansados da desilusão associada ao islã e o governo, e isso faz com que haja uma grande "sede" espiritual no país. O resultado é que, apesar da constante perseguição, a igreja de Cristo está crescendo.

DeYoung pede orações pelos cristãos iranianos, pois a pressão do governo continua. "As pessoas do país são muito corajosas", diz. "Elas precisam de sabedoria e da proteção de Deus para que possam continuar a ministrar o nome de Jesus na rádio e em outros meios de comunicação".

veja também