O cristianismo e a ideia de substituição

O cristianismo e a ideia de substituição

Atualizado: Quarta-feira, 14 Agosto de 2013 as 12:50

refletindoO cristianismo é uma contra cultura, é uma chamada a viver por princípios que desafiam as regras do jogo desse século, é um exercício diário de humildade para aprender tudo de novo aquilo que se achava conhecer, é voltar a ser aluno quando se acreditava ser professor.
 
Como é dolorido e decepcionante descobrir que a velha e egoísta forma de pensar ainda está muito viva, se encontrar dividido entre a mentalidade de autopromoção e os valores de auto-sacrifício, perceber que todos os dias temos que lidar com uma besta fera chamada orgulho. 
 
A ideia é de substituição do que está lá dentro, de trocar o conteúdo, de esvaziar para que Deus possa nos encher.
 
 
- Ap. Rina
 

veja também