"O objetivo do evento é salvar almas" diz Pr. Cesino Bernardino

"O objetivo do evento é salvar almas" diz Pr. Cesino Bernardino

Atualizado: Terça-feira, 26 Abril de 2011 as 2:39

Camboriú é a sede do 29º Congresso Internacional de Missões dos Gideões Missionários da Última Hora (GMUH) entre os dias 23 de abril a 3 de maio de 2011. O evento acontece no Ginásio Irineu Bornhausen e também no Pavilhão dos Gideões, no centro do município. O congresso é realizado pela igreja Assembléia de Deus e reúne milhares de pessoas vindas de várias partes do Brasil e também do exterior. Atualmente é considerado o maior evento religioso da América Latina. O tema escolhido para este ano é: "Ei, Gideões, cuidado! Ao tardar do noivo, não durmam, trabalhem, avancem!".

O presidente do GMUH, Cesino Bernardino, revela que o projeto consiste na evangelização em várias partes do mundo. "Nós estamos em vários continentes, levando a bendita e santa palavra de Deus", explica. "Temos muitos cantores que louvam o nome do Senhor, porém o objetivo do evento é salvar almas, evangelizar", esclarece.

O pastor Marco Aurélio diz que o projeto encontra alguns obstáculos. "Quando o pastor Cesino vai a países como Canadá, Japão ou até mesmo na Europa, ele apenas divulga a dificuldade da evangelização mundial", afirma.

De acordo com os organizadores, os missionários assistem a cerca de 1.240 famílias que são mantidas pelos Gideões. A intenção do congresso é mostrar o trabalho realizado nestes países e conscientizar os adeptos da religião sobre a importância da doação para a manutenção do projeto.

Nos dias em que acontece o congresso os cultos são diários, das 7h às 22h30, sem intervalos. Na ocasião, vários cantores gospel se apresentam no ginásio de Camboriú.

Economia

O secretário de Administração de Camboriú, John Lenon Teodoro, salienta que o encontro dos Gideões já está no calendário oficial da cidade e é visto como a alta temporada de Camboriú. "Temos um aquecimento significativo na economia da região, além disso, nosso município ganha visibilidade mundial com a quantidade de pessoas que recebemos", comentou.

Neste ano, a cidade espera cerca de 170 mil fiéis, entre os dias 23 de abril a 3 de maio. "Estamos trabalhando forte na questão do tráfego de veículos e na segurança. Seguindo o exemplo do último ano, faremos mapas indicando as ruas específicas para carros e ônibus", explicou a prefeita Luzia Coppi Mathias.

Trânsito modificado

O mapa elaborado pela Secretaria de Planejamento Urbano, que define o sentido diferenciado do tráfego de veículos durante o Encontro dos Gideões, já está sendo divulgado. Diferentes tipos de automóveis possuem possibilidades de trajeto distintas, que podem ser conferidas no mapa.

De acordo com o secretário Rodrigo Meirinho Morimoto, as principais mudanças estão nas vias de acesso para vans e carros. "Também teremos o Posto de Comando da Polícia Militar atendendo 24h e mais postos médicos, distribuídos no centro da cidade", destacou.

O objetivo da mudança é agilizar o tráfego durante os dez dias de Congresso, nos quais a cidade espera receber 170 mil fiéis, além de turistas que aproveitam a movimentação para visitar o município.  

veja também