"O óleo só cai em quem tem as vestes limpas" afirma Ap. Estevam Hernandes

"O óleo só cai em quem tem as vestes limpas" afirma Ap. Estevam Hernandes

Atualizado: Terça-feira, 26 Outubro de 2010 as 10:06

Neste último domingo, dia 24 de outubro, às 19 horas, aconteceu, o poderoso Culto de Celebração da Família, na Regional Santana, com a ministração do Apóstolo Estevam Hernandes que chegou bastante animado e foi logo dizendo: “Quero rock nesta igreja!”, e então pediu para tocarem a música “Revolução”, da banda Katsbarnea.

Após as orações do perdão e da família, o Apóstolo Estevam começou o culto se despedindo da Regional Santana e avisando que aquele seria o último domingo de culto ali, pois a partir do próximo sábado, os cultos voltarão a ser realizados no Espaço Renascer que está de cara nova. “Completamente reformado em tempo recorde e levantado com todas as tecnologias de ponta existentes no meio da construção civil para o término e bom êxito desta obra grandiosa.”

No início da oferta, em Malaquias 3.6,12,18, o Apóstolo disse: “Estamos vivendo dias difíceis. Hoje em dia, quem está fora da cobertura do Sangue do Cordeiro, está sem a proteção do Senhor e é usado pelo diabo.” Continuou dizendo: “Se te perguntarem sobre prosperidade, você responde o seguinte: A minha prosperidade está nas promessas da Bíblia!” Disse também que quando entregamos o dízimo, automaticamente, repreendendo o devorador; disse que “janelas dos céus abertas” significa que Deus vai nos diferenciar dentre outros. “Quando eu pratico a vontade de Deus, vivo o sobrenatural na minha vida”.

O apóstolo, meditando nestes dias, afirmou: “As drogas já não têm mais limites, os casamentos não têm mais valor, a corrupção e a miséria estão tomando conta de tudo em uma velocidade absurda”. Então pediu à igreja para repetir o que está escrito no Salmo 91.10: “Nenhum mal me sucederá, nem praga alguma chegará à minha casa”. Lembrou da nova bactéria KPC que causa, mais comumente, pneumonia e infecções no trato urinário, além é claro de espalhar-se pelo organismo e levar à chamada infecção generalizada. Ela é altamente resistente aos antibióticos e mata milhares de pessoas anualmente. Ao mencionar o fato, fez uma ligação com o Apocalipse dizendo: “Quando o cavalo amarelo com o nome Morte for liberado, a Terra será assolada por doenças desconhecidas. O fim está próximo, mas em nome de Jesus, o povo de Deus estará guardado debaixo das asas do Pai”, encerrando a ministração da Oferta.

Antes de começar a ministração da Palavra, o Apóstolo Estevam disse que tinha mais uma boa notícia sobre o novo Espaço Renascer. Ele informou que o projeto incluirá um restaurante que será instalado em dois grandes vagões de trem e que também já existem planos para a construção de um Buffet Infantil .

Óleo é a marca da presença de Deus

O tema da Palavra foi ‘Ser o tabernáculo que transborda o óleo da unção’. O Apóstolo começou dizendo: “Deus quer que tenhamos o óleo do Espírito em nós. O óleo faz com que permaneçamos com o Espírito vivo. A determinação do Senhor foi que sempre tenhamos óleo, porque tendo óleo, a lâmpada de Israel permanecerá acesa. Se a lâmpada se apagar das nossas vidas, quer dizer então que o Espírito do Senhor não habita mais em nós”.

Ele destacou a passagem de Isaías 53.10: “Todavia, ao SENHOR agradou moê-lo, fazendo-o enfermar; quando der ele a sua alma como oferta pelo pecado, verá a sua posteridade e prolongará os seus dias; e a vontade do SENHOR prosperará nas suas mãos”.O Apóstolo Estevam disse explicou que Deus se agradou quando Jesus foi moído, porque através desse sofrimento, nós tivemos o óleo do Espírito Santo de Deus. Disse também que em Tiago 1, a Bíblia fala sobre a aprovação de Deus. “O Senhor quer que eu passe pela provação, porque depois da provação, vem a aprovação de Deus. E o servo de Deus só prospera quando passa pelo vale da dor”. Ele comparou a provação, os desafios e as dores com processo de fabricação de azeite. “A azeitona, para dar óleo, tem que ser machucada, amassada, prensada. Quer dizer, a dor da azeitona produz o azeite”,

E continuou: “Temos que ser gratos e temos que ter fé para entendermos a vontade de Deus nas nossas vidas. E, tenham certeza, queridos, Deus tem grandes obras para realizar nas nossas vidas, em nome de Jesus!”

De acordo com o apóstolo, o óleo é, em primeiro lugar, a marca da presença de Deus. Em segundo lugar, o óleo só cai em quem tem as vestes limpas. “Nos dias de hoje é fora de moda falar de santidade, de santificação. Você tem que resistir ao diabo para ele fugir de você, em nome de Jesus! Deus quer limpeza na tua vida.” E reafirmou: “Quer óleo sobre sua cabeça? Ande em santidade diante do Senhor e guarde o teu coração, porque o diabo não suporta ver quem tem o óleo do Senhor.”

O poder do óleo

O óleo cai em primeiro lugar, ele disse, para quebrar todo jugo. Em segundo lugar, “para quebrar todo estigma na tua vida. Porque se Jesus anda com você, você tem a luz do mundo e toda mentira do diabo está quebrada na sua vida, em nome de Jesus”.

E, por fim, encerrou dizendo: “Deus, o teu Deus, te ungiu com o óleo da alegria, com o óleo da prosperidade e com o óleo da cura. O óleo se multiplicou e acendeu a lâmpada do Senhor, a lâmpada que vence a escuridão da noite. Nossa lâmpada jamais se apagará”.  

veja também