O que a Graça faz

O que a Graça faz

Atualizado: Terça-feira, 12 Março de 2013 as 12:37

 

graçaLeitura Bíblica: 1 Timóteo 1.12-17
 
Esta afirmação é fiel e digna de toda aceitação: Cristo Jesus veio ao mundo para salvar os pecadores, dos quais eu sou o pior (1Tm 1.15).
 
O pastor Waldomiro Mota, ex?missionário batista na Bolívia e depois pastor da Primeira Igreja Batista de São Caetano do Sul, no ABC paulista, narra o seguinte episódio:
 
Certo dia ouviu comentários de que haveria no meio da sua congregação um ex-participante do bando do facínora Lampião. Após saber quem era, esperou uma oportunidade de abordá?lo. Certa manhã deu com ele numa das ruas da cidade. Após cumprimentos, perguntou?lhe: “Irmão, qual foi sua experiência daqueles dias?”. O outro ficou lívido. Sentou?se de cócoras, escondeu o rosto entre os braços e murmurou: “Pastor, me perdoe, mas jamais me faça essa pergunta de novo. Foram dias tão horrorosos que só de lembrá-los sinto?me mal, e para quem ouvir a história serão dias seguidos de impacto negativo”. O Pastor Waldomiro desculpou?se.
 
No verso 13 da leitura bíblica de hoje, Paulo enumera em resumo o que ele fora antes de conhecer Cristo. Blasfemo, perseguidor, opressor. Eis o relato do que eu fui, diz ele.
 
Quem nasceu em um lar no qual o evangelho é conhecido e praticado, não costuma ter essa visão de si mesmo e, em razão disso, tende a ter uma noção menos elevada da graça divina e da necessidade que tem dela. Entre os encontros que Jesus teve em sua vida terrena está um com um jovem rico que se afasta triste. Outro é o da mulher samaritana que se retira explodindo de alegria. O jovem via?se como santo; a samaritana, como grande pecadora.
 
Costumamos medir os homens pelo que fazem não pelo que são. Eis onde reside o perigo. Nascemos pecadores. Nascemos perdidos. Nascemos em conflito com Deus. Nascemos “em Adão”. Nesse estado, somos todos iguais perante Deus – perdidos. Todavia, quanto mais profunda for a visão que tivermos dessa nossa condição, tanto mais gloriosa será para nós a graça de Deus, que restaura em nós a vida para a qual Deus nos criou. – MJT
 
Não tema ver a profundidade de seu pecado, pois Deus lhe mostrará a excelsa grandeza de sua graça.
 

veja também