"O Rico e o Mendigo" são tema de culto em IURD de SP

"O Rico e o Mendigo" são tema de culto em IURD de SP

Atualizado: Terça-feira, 25 Janeiro de 2011 as 10:36

Em reunião na Catedral da Fé, em São Paulo, no último domingo (30), o bispo Romualdo Panceiro falou a respeito do rico e do mendigo.

Segundo o bispo, nas passagens de Lucas capítulo 16, versículos 19 a 21, há dois tipos de pessoas: o rico, que comia do melhor; e o pobre, que desejava comer das migalhas.

Depois, continuou: “Aconteceu morrer o mendigo e ser levado pelos anjos para o seio de Abraão...” (Lucas 16:22). Para o bispo, há anjos de Deus e anjos do diabo. “Ninguém está salvo porque aceitou Jesus, mas sim, por ter entregado a vida a Ele. A gente trabalha para que os anjos de Deus venham em busca da sua alma, para que você seja salvo assim como o mendigo foi”, explicou.

Prosseguindo, perguntou se as pessoas já haviam se questionado sobre de onde virão os anjos que receberão as ordens de Deus ou do diabo.

Retomando, ressaltou: “A bíblia diz que morreu o rico e foi sepultado. Ela não diz qual anjo veio buscá-lo; mas sabemos para onde ele foi – para o inferno, ficando em tormentos. Porém, ele não foi para o inferno por ser rico. O rico está preso às suas riquezas; mas, também há pobre que faz da sua pobreza o seu senhor”.

Ainda de acordo com o bispo, o pobre não foi para Deus por ser pobre; e nem o rico para o inferno porque era rico. “O que leva para o céu não é a pobreza nem a riqueza, e sim a fé vivida no Senhor Jesus. Essa fé leva você para o céu, sendo você rico ou pobre. O que salva a sua alma é a sua fé no Senhor Jesus”, afirmou.

Prosseguindo, ele salientou que o inferno não é o fim, mas o começo: “Ainda existe o lago de fogo. O seio de Abraão é o lugar que a pessoa vai antes da nova Jerusalém, a cidade onde nós viveremos com Jesus eternamente. Assim como o inferno é uma antessala para aqueles que vão chegar ao lago de fogo, o seio de Abraão é a antessala para aqueles que vão morar com Jesus para sempre”.

O bispo também esclareceu que a pessoa que morre com Jesus tem consolo, mas aquela que morre sem Ele está em tormento. “O consolado pensa: ‘Valeu a pena o sacrifício. Valeu a pena as renuncias, as lutas em prol de seguir a Deus’”.

Para finalizar, ele falou que existem pessoas que vêm na igreja só para serem salvas, morrendo logo em seguida. É por esta razão que quem está no inferno não tem como ir para o seio de Abraão. Ou seja, não tem mais como voltar atrás. O destino é o lago de fogo, pois, depois que a pessoa morre, não adianta mais orar pela alma dela.

“Por isso, não tem maior conquista, maior bem e nem nada mais precioso do que a nossa salvação. Ela sim é o bem maior. Se você conhece uma pessoa que está destinada ao inferno, você tem a obrigação de mostrar Jesus a ela”, enfatizou.

veja também