Pastor apela jovens a resgatarem os valores morais e cívicos

Pastor apela jovens a resgatarem os valores morais e cívicos

Atualizado: Quarta-feira, 5 Janeiro de 2011 as 10:39

O pastor da Igreja Evangélica, Samuel Matoco Bioco, apelou nesta segunda-feira, na cidade de Ondjiva, a necessidade de haver maior envolvimento da camada juvenil no resgate dos valores éticos morais e cívicos, para a construção de uma sociedade integral onde cada cidadão veja salvaguardados os seus direitos.

O pastor teceu estas declarações à Angop reagindo ao discurso de fim de ano do Presidente da República de Angola, José Eduardo dos Santos, que considerou ser importante.

Disse que a juventude deve fazer uma reflexão da realidade atual e trabalhar no resgate dos valores morais e cívicos perdidos ao longo de vários anos.

"Sabemos que a nossa juventude cresceu num clima de conflito armado, mas agora é tempo de mudar de mentalidade e dedicar-se nas acções positivas que contribuam para o desenvolvimento do país", salientou.

Samuel Bioco apelou também aos chefes de famílias a serem diferentes em todo local onde estiverem e levar o Evangelho de Deus pelo qual fomos criados.

"A igreja como exemplo da sociedade deve dar anseios à juventude para que aprenda a escolher o trigo do joio e marcar a diferença praticando os valores morais e cívicos perante à sociedade", referiu.

O pastor recordou a mensagem de fim de ano do Presidente da República de Angola, José Eduardo dos Santos, "que é hora de se começar a construir uma nova mentalidade, sublinhando ser necessário rever certos hábitos e tradições, defender sem reservas o estatuto da família bem estruturada, onde predomine o amor, a compreensão e o respeito recíproco, a cooperação e a igualdade de direitos, e se aceite a reprodução planeada e a paternidade responsável ".

O Estado deve dinamizar a transformação espiritual no resgate dos valores éticos e morais que, ao longo dos muitos anos de conflito, deram lugar a uma mentalidade imediatista e egoísta no seio da nossa sociedade, adiantando ser preciso promover o estímulo aos valores e atitudes construtivas dos jovens, o aproveitamento das suas potencialidades intelectuais e o combate ao consumo desregrado de álcool, de drogas e a todas as práticas anti-sociais.

veja também