Pastor apela por fidelidade e abstinência sexual

Pastor apela por fidelidade e abstinência sexual

Atualizado: Segunda-feira, 26 Abril de 2010 as 12

O pastor da Igreja Evangélica de Angola (IEA), da paróquia Mateus Estober, Daniel Vela, apelou hoje (domingo), em Luanda, aos fiéis a optarem pela fidelidade, para os casados, e aos solteiros a observância da abstinência sexual, para se precaverem contra doenças sexualmente transmissíveis, com maior incidência ao VIH/SIDA.

O pastor fez esse pronunciamento em declarações à Angop, a propósito de uma campanha de testagem voluntária de VIH/SIDA, promovida pela congregação que dirige, com apoio do Ministério da Saúde, Instituto Nacional de Luta contra a Sida, Rede Esperança e uma organização não governamental.

Daniel Vela considerou o uso do preservativo, como um meio de prevenção contra a contaminação do vírus da Sida, embora as pessoas devem evitar esse ''recurso'' e optarem pela fidelidade ou pela abstinência sexual.

''O programa visa sensibilizar e elevar a consciência das pessoas sobre o perigo da doença, conhecer melhor o seu estado serológico e estarem informadas como se deve prevenir'', precisou.

Adiantou que o programa tem tido muita aderência por parte dos seus fiéis e outras pessoas interessadas que passam pelo local e manifestam a sua vontade de efectuarem o teste de VIH/SIDA.

''Eu na qualidade de pastor também vou fazer o teste para servir de exemplo e modelo aos membros da congregação'', salientou.

Sublinhou que antigamente, as pessoas tinham muito receio de fazer o teste, com medo de serem discriminadas, mas actualmente esse comportamento está a mudar, visto que já há muita gente interessada em conhecer o seu estado de saúde.

''Agora optamos por montar postos de testagem nas Igrejas para facilitar as pessoas que as vezes por desconhecerem os centros vocacionados acomodam-se'', explicou.

Essa é a segunda fez, este ano, que aquela Igreja promove uma campanha de género, a primeira aconteceu em Fevereiro último.

veja também