Pastor Cláudio Rufino alerta as igrejas sobre o crescimento da pornografia

Pastor Cláudio Rufino alerta as igrejas sobre o crescimento da pornografia

Atualizado: Terça-feira, 22 Março de 2011 as 11:29

O pastor Cláudio Rufino, da Igreja Assembléia de Deus, em Sobradinho – DF participou da 13ª edição da Consciência Cristã, que aconteceu no período do Carnaval, em Campina Grande, na Paraíba. Entre as palestras ministradas pelo pastor ele abordou os perigos da Indústria Pornográfica no Brasil. Cláudio Rufino é conhecido pelo seu trabalho no projeto Todos em Defesa da Família e por liderar a Campanha Nacional contra a Pornografia, dada início em 2007.

O pastor Cláudio mostra preocupação com relação ao crescimento apenas quantitativo da Igreja e a pouca influência da mesma “neste mundo de trevas”. Ele enfatiza que “a verdadeira Igreja de Cristo precisa salgar e brilhar neste mundo de trevas, para neutralizar as forças do mal, mas isso não está acontecendo como deveria no Brasil, onde, apesar do “crescimento” numérico da igreja brasileira, o pecado não pára de crescer”.

Segundo o pastor Cláudio, essa pouca atuação e ação da Igreja na sociedade tem sido um dos motivos pelos quais estão aparecendo tantos prostitutos, prostitutas e homossexuais na mídia, declarando-se como “evangélicos”, e há alguns que ainda "declaram ter clientes crentes, inclusive pastores”, comenta o pastor. Cláudio Rufino lamenta a triste realidade moral pela qual está passando o país, “há quem afirme que, nem mesmo em Sodoma e Gomorra foram praticadas tantas devassidões como no Brasil”, provoca. Um dos principais problemas que são alarmantes no país é o fato de milhares de crianças serem estupradas, todos os anos e centenas delas chegam à morte, porém, a sociedade não se sensibilizou em busca de uma reação preventiva e combativa contra a origem do problema, que segundo ele é “a Indústria Pornográfica”.

Com relação a Indústria Pornográfica, o pastor Cláudio Rufino ainda diz que turismo sexual é um sucesso no Brasil, isso porque sites do mundo inteiro divulgam o Brasil como um paraíso sexual, onde crianças, jovens e adultos podem ser encomendados por idade, peso, cor e outras características para satisfação de clientes nacionais e estrangeiros, “está comprovado que existe uma lucrativa indústria de exploração sexual no Brasil, envolvendo mães, policiais, empresários, taxistas, etc.”, revela. O autor da Campanha contra a pornografia alerta que se nada for feito preventivamente no Brasil, “a igreja e a sociedade brasileira sofrerão conseqüências catastróficas nos próximos anos, em decorrência de nossa negligência em combater a imoralidade sexual”.  

veja também