Pastor é condenado por ter pornô infantil no Facebook

Pastor é condenado por ter pornô infantil no Facebook

Atualizado: Terça-feira, 26 Julho de 2011 as 11:57

A Justiça do Alabama (EUA) condenou o pastor Jerry L. Cannon (foto), 63, a 17,5 anos de prisão por distribuir material pornográfico envolvimento criança por intermédio do Facebook.

Ao saber da sentença, Cannon comentou: "Estou muito arrependido. Deus me perdoe. Eu sou muito estúpido. Isso dói. Isso dói muito".

Ele disse que nunca tocou sexualmente em uma criança. Em abril, admitiu formalmente a culpa. Casado, Cannon abriu havia 4 anos em sua cidade, a Dry Ridge, a Igreja de Deus.

O FBI descobriu que o pastor tinha 13 contas na rede social. Com exceção de uma que tinha o seu nome verdadeiro, Cannon usava as contas para distribuir fotos e vídeos de crianças e adolescentes fazendo sexo.

Em sua defesa, ele disse à Justiça que distribuía a pornografia para entreter os pedófilos e mantê-los, assim, longe das crianças.

Entre as fotos, existiam meninas e meninos na faixa de nove anos sendo estuprados.

Com informação do Alabama Live.

veja também