Presbiterianos inauguram mais um templo em Pernambuco

Presbiterianos inauguram mais um templo em Pernambuco

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:28

A 1a Igreja Presbiteriana do Recife apóia o projeto missionário de plantação de igrejas, desenvolvido por Rev. Arthur Braga, missionário na região de Nazaré da Mata, em Pernambuco.

Rev. Arthur Braga iniciou seu trabalho de plantação de igrejas presbiterianas na zona da mata canavieira de Pernambuco em 2010.

“A cidade é conhecida como berço da tradicional família presbiteriana Lenz César. Após um ano de trabalhos, recebemos por batismo e profissão de fé os nove primeiros membros”, explica Rev. Arthur Braga.

De acordo com ele, antes de iniciar o projeto, havia dez anos que não se investia em plantação de igrejas, sem com isso deixar de realizar evangelismo e atividades voltadas às missões.

Nesses últimos dez anos a IP Recife apóia e estabelece parceria com várias frentes de trabalho missionários na região da igreja. “Hoje mantemos parcerias com os projetos Rumo ao Sertão (RN), Fontes do deserto / São José do Belmonte (PE), Novos Campos/ IBN, Garanhuns (PE). As parcerias trouxeram como resultado várias plantações de igrejas, incluindo algumas construções de novos templos”, afirmou Rev. Arthur Braga..

Mais uma vitória está sendo conquistada para os plantadores de igrejas presbiterianas de Pernambuco. “No dia 27 de agosto iniciaremos um novo trabalho evangelístico e de plantação de igreja em Aliança-PE, e o nosso desejo é que O bondoso Deus continue derramando ricas bênçãos sobre os seus e sobre o trabalho.

O avanço missionário, com a plantação da igreja em Aliança terá início às 8h da manhã, com a participação dos novos membros, que agora fazem parte dessa comunidade. Haverá culto de gratidão com participação do coral Boas Novas e pregação do Rev. Dr. Cláudio Albuquerque, pastor da 1a IP de Recife.    

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições