Presidente da ExpoEvangélica fala sobre a visão missionária da feira

O presidente da ExpoEvangélica, Francisco Everton, falou ao Guiame sobre o impacto social e missionário provocado pela feira. Conheça a sua história.

fonte: Guiame, Luana Novaes

Atualizado: Terça-feira, 30 Julho de 2019 as 3:56

Em 14 anos de história, a ExpoEvangélica se estabeleceu como um dos principais eventos do segmento no Brasil. Não apenas por sua grandeza estrutural, mas pelo impacto social e missionário provocado pela feira.

Com a doação de 1kg de alimento na entrada, foram arrecadadas mais de 25 toneladas de produtos que serão distribuídos para quatro instituições: o Projeto África, a ONG Missionários do Sertão, a Cidade da Criança e o Projeto Ebenézer, de recuperação química. 

“Quando iniciamos a ExpoEvangélica, um dos nossos desejos é que fosse um trabalho missionário, que eu não cobrasse a entrada e Deus mandasse patrocinadores para suprir esse valor”, disse o presidente da feira, Francisco Everton, em entrevista ao Guiame.

“A cada ano, o povo tem se conscientizado mais — da criança ao idoso — para que possamos fazer esses projetos sociais”, acrescentou Everton, afirmando que outros projetos menores também recebem apoio.

Junto ao foco missionário, a oração também tem um lugar central na ExpoEvangélica. Em sua 14ª edição, além da oração de hora em hora feita no palco, mais de 300 pessoas foram atendidas na Casa de Oração.

“No ano passado o Brasil estava vivendo uma crise muito grande. Então estabelecemos orações de hora em hora; nos quatro dias foram 28 orações. Já temos resultados depois de um ano: os índices de violência caíram no Brasil e muitas mazelas foram destruídas através do poder da oração”, disse Everton.

Com o passar dos anos, a ExpoEvangélica se expandiu e se consolidou no segmento cristão. Mais de 50 atrações musicais, entre artistas nacionais e internacionais se apresentaram no palco representando as principais gravadoras e produtoras do Brasil.

“Quando eu iniciei a ExpoEvangélica eu orei a Deus, e Ele permitiu que eu fizesse essa feira. Eu sabia que as dificuldades viriam — os grandes homens de Deus passaram por adversidades — mas nós confiamos e Deus honrou a nossa fé. Chegamos aqui com credibilidade”, destaca Everton.

A edição de 2020 será especial: serão celebrados os 15 anos de ExpoEvangélica entre os dias 1 e 4 de julho do ano que vem. Para a celebração, Everton busca “alcançar uma dimensão maior”.

veja também