Preso em flagrante, homem que se dizia pastor é acusado de abusar de meninas

"Pastor" acusado de abusar de meninas responderá por estupro

Atualizado: Sexta-feira, 9 Março de 2012 as 8:41

No dia 4 de fevereiro, o falso pastor Reginaldo Sena dos Santos, 59 anos,foi preso em flagrante em casa, no bairro Retiro, em Volta Redonda acusado de estuprar sete meninas de 7 a 14 anos — e a ‘missionária’ Maria de Fátima Costa da Silva, 58, que foi detida na terça-feira. Os abusos teriam começado em 2006.

Segundo a delegada Gisele do Espírito Santo, titular da Delegacia de Atendimento a Mulher de Volta Redonda, o acusado ameaçava as garotas dizendo ‘que um anjo poderia usar sua espada e deixá-las cegas’ se elas denunciassem o abuso em casa. Uma das vítimas tinha na família alguém cego e o falso pastor usava a pessoa como exemplo.

Segundo o jornal O Dia, Reginaldo conseguia autorização dos pais para dar aulas de música e religião para as crianças. Informações do MP revelam que Maria de Fátima era responsável por ‘preparar’ as meninas para o ato sexual com o falso pastor.


Apesar de se intitular pastor, Reginaldo realizava os cultos na própria residência e não pertencia a nenhuma igreja, de acordo com a polícia. Ele está preso em Bangu, na Zona Oeste. Já a ‘missionária’ seguiu na noite desta quinta-feira para a Polinter do Grajaú.

veja também