Projeto evangelístico Minha Esperança Brasil colhe os frutos em forma de testemunhos

Projeto evangelístico Minha Esperança Brasil colhe os frutos em forma de testemunhos

Atualizado: Sexta-feira, 23 Janeiro de 2009 as 12

Por Adriana Amorim

O projeto Minha Esperança, liderado pela Associação Evangelística Billy Graham - AEBG, esteve no Brasil por 18 meses e treinou líderes e igrejas para três noites de evangelismo. Nos dias 6, 7 e 8 de novembro de 2008, a programação, que iniciava às 21 horas na Rede Bandeirantes de televisão e também veiculada pelo Portal Guia-me , foi assistida por brasileiros em suas casas ou em lares "Mateus", preparados para receber pessoas que foram convidadas a aceitar Cristo como Salvador.

Depois desses três dias, as sementes plantadas pelo trabalho de homens e mulheres, que dedicaram-se a evangelizar pessoas, tornaram-se frutos, em uma colheita que trouxe ao País testemunhos de salvação e reencontro. Alguns destes relatos foram apresentados na celebração do projeto, que aconteceu na última sexta-feira, dia 16 de janeiro, no hotel Panamby, em Guarulhos (SP), e reuniu coordenadores de todos os estados brasileiros, além da diretoria da AEBG.

O evento mostrou números que contabilizavam almas. De acordo com a associação, até a data da celebração, segundo dados encaminhados por mais de 30 mil igrejas, 245.785 pessoas no Brasil tomaram a decisão por Jesus, destas, 184.771 aceitaram Cristo como Salvador de suas vidas e 61.014 pessoas retornaram à Casa do Pai e reconciliaram-se com o Senhor.

Nestes dígitos estavam os testemunhos apresentados pelos coordenadores do projeto, entre eles o de líderes de outras religiões que receberam Jesus como o Senhor de suas vidas; criminosos que arrependeram-se e dobraram os joelhos em presídios, em casas e igrejas; uma conversão em um bar; a volta de um filho pródigo aos caminhos do Senhor; a dedicação à missão que apelidou um líder de "Billy Graham do Maranhão"; e muitas histórias que confirmam a passagem bíblica de Coríntios 3:6-7: "Eu plantei, Apolo regou; mas Deus deu o crescimento. Por isso, nem o que planta é alguma coisa, nem o que rega, mas Deus, que dá o crescimento".   

Confira aqui os testemunhos dos coordenadores do projeto:

Pr. Antonio Firmino Junior - Coordenador das igrejas independentes no Estado do Rio Grande do Norte

"Este projeto modificou a minha vida e eu me sinto muito honrado, feliz e emocionado de estar aqui. Não podemos mensurar o que Deus fez pelo Brasil. Existem, agora, muitas congregações no meu Estado que foram fundadas por meio do Projeto Minha Esperança Brasil. Outras igrejas que estavam "mortas" e que foram renovadas pelo projeto. Eu louvo a Deus por tudo isso."

Pr. Sérgio Aguiar - Coordenador das igrejas independentes em Mato Grosso

"Essas pessoas que estão aqui neste culto fazem parte de um momento muito importante da história da igreja no Brasil. Eu quero parabenizar a Associação Billy Graham por essa visão mundial de levar a palavra de Deus aos perdidos de uma maneira diferente e moderna. Sabemos que a semente foi plantada no coração de muitas pessoas. Eu fui um Lar Mateus, todas se renderam aos pés de Jesus. No final de dezembro, eu fiz um batismo na minha igreja de 40 pessoas. Deus seja louvado pela colheita!"

Pr. Gilmar - Coordenador do Paraná

"Nós confeccionamos 400 mil folhetos e entregamos, na cidade de Curitiba, no período de Finados. Então, invadimos todos os cemitérios da cidade para anunciar o projeto e convidar as pessoas para assistirem às programações. Realizamos o projeto, também, em presídios na cidade de Curitiba, na região metropolitana onde tivemos 200 presos que tomaram a decisão e entregaram suas vidas ao Senhor Jesus.

Tivemos um caso específico de um presbítero que foi traficante de drogas na região. Ele convidou 20 traficantes de drogas - que eram seus companheiros no passado - para assistirem aos programas e16 deles se converteram a Jesus. Todos estão fazendo discipulado para a Glória e Honra do nome de Jesus."

Pra. Adélia Torres - Coordenadora das igrejas independentes no Estado de Alagoas

"O que me impactou profundamente foi o fato do Minha Esperança ter atingido os filhos pródigos. Eu visitei congregações pequenas em favelas na periferia de Maceió, onde houve uma grande movimentação de mulheres da terceira idade e jovens orando pelo projeto e pelos filhos que estavam afastados dos caminhos do Senhor. Aqui no Brasil, existe um grande número de desviados, pessoas que se afastaram e ficaram desapontados com o sistema religioso. Mas Jesus não desaponta ninguém e muitos retornaram à casa do Pai por meio dos programas."

Pr. Josivaldo Gomes - Coordenador da Assembléia de Deus Missão no Estado de Alagoas

"Trabalhar para o MEB foi um tempo de muita alegria. Um fato que nos marcou muito no Estado de Alagoas, que saiu inclusive em alguns veículos de comunicação (como no Jornal "O Mensageiro da Paz"), é o de uma senhora que usava um anel de compromisso com o diabo. Os Mateus foram visitá-la para falar do projeto e oraram por ela. No momento da oração, o anel misteriosamente se partiu e quando isto aconteceu ela ficou endemoninhada, mas com orações os demônios foram expulsos, ela foi liberta. Quando eu realizei a última capacitação, ela estava presente, Jesus a batizou com o Espírito Santo e ela se tornou um Lar Mateus, ajudando-nos em muitas tarefas."

Pr. Marcos Corrêa - diretor do Portal Guia-me

"O Portal Guia-me teve o privilégio de transmitir toda a programação, simultaneamente, e deixar disponível na sua página a reprise e os downloads, autorizados pela AEBG. Nós colocamos uma equipe de pastores on-line nos três dias para realizar aconselhamentos.

Foram mais de 45 países que assistiram aos programas via site, inclusive os países árabes (onde o cristianismo é perseguido). As pessoas acessavam o portal e se comunicavam conosco por meio do SOS. Tudo isto sem contar com os page-views - que são pessoas que visualizaram a página - que somou um total de 8 milhões de visualizações!

Recebemos uma ligação de uma moça (logo após a transmissão da mensagem de Billy Graham) que nos pediu ajuda, pois tinha sido tocada pelo Espírito Santo de Deus e precisava saber o que fazer a partir daquele momento. Ela era homossexual e negou a vida de pecados que estava tendo até o momento. Ligou para sua companheira dizendo para ela não mais voltar para sua casa, porque ela tinha aceitado a Jesus.

Até hoje, muitas pessoas acessam o site e fazem downloads da programação. Este é um trabalho que não vai se perder nunca, até a volta de Cristo."

Moacyr Teixeira de Paula - Coordenador denominacional das igrejas da Convenção Batista Nacional

"Na cidade de Coronel Fabriciano, convidei 35 pessoas da minha família para assistirem aos programas... todos assistiram em silêncio e eu somente orava ao Senhor para tocar o coração deles e fazer a Sua Obra. Quando acabou, eu falei que oraria por todos e que quem quisesse fazer a oração e aceitar a Cristo que ficassem de pé. E todos se levantaram e entregaram suas vidas a Cristo".

Billy Graham conseguiu juntar a todos nós presbiterianos, batistas, assembleianos [...] e vamos continuar juntos pregando o evangelho em nome do Senhor Jesus!"

Pr. José Idiomar - Coordenador da CGADB no Estado do Maranhão - Área Sul

"Sempre achei Billy Graham o maior pregador do mundo e alimentei no meu coração a esperança de um dia associar meu nome a ele.E, para minha alegria, fui escolhido para ser o coordenador do Estado na minha área. Para glória de Deus, registrei 627 igrejas em 34 reuniões, andei mais 10.000 km com meu carro, cheio de kits de treinamento e Mateus, fazendo reuniões em diversos lugares [...] Por tudo isso, agora recebi um título na cidade, todos me chamam de 'Billy Graham do Maranhão'!"

Pr. Pedro Neuton - Coordenador das igrejas independentes no Estado do Tocantins

"O que marcou muito foi que tenho um filho de 15 anos e eu nunca imaginaria que eu pudesse ter um filho pródigo dentro da minha casa. E, depois das transmissões do primeiro dia, meu filho olhou para mim e disse: 'Pai, realmente eu preciso aceitar a Jesus'. O crescimento espiritual causado pelo projeto é sem precedentes."

Missionária Eloah Lopes - Coordenadora da CONAMAD no Estado de Pernambuco

"Esta é a história do Chico Lapada, um homem muito violento da região de Salgadinho, Sertão de Pernambuco. Ele tinha este apelido porque era violento e batia em muitas pessoas com a sua peixeira (arma). Em uma de nossas reuniões de treinamento, Chico Lapada entrou na igreja e disse que iria acabar com todos ali. Enquanto ele se aproximava, todos começaram a orar fervorosamente e, milagrosamente, a peixeira caiu de suas mãos [...] Hoje, ele e seus quatro filhos têm suas vidas transformadas por Jesus e freqüentam uma igreja local. Além disso, Chico ofereceu um amplo espaço para construção de nossa igreja que, até então, pagávamos aluguel numa pequena propriedade."

Pr. Eli Castellano - Coordenador da CONAMAD no Estado de Minas Gerais

"Em Juiz de Fora, em uma de nossas congregações, foi realizado o projeto, um traficante de drogas aceitou a Cristo e está freqüentando nossa igreja... Na segunda feira após o culto da colheita, ele chamou o evangelista que está o acompanhando e pediu para ir até sua casa e limpar tudo de ruim que tinha lá, entre drogas e armas... O projeto foi realizado, também, em algumas casas de recuperação para dependentes químicos, em Pouso Alegre."

Pr. Elinelson - Coordenador da CGADB no Estado do Rio de Janeiro

"Um destaque importante foi de um obreiro de nossa igreja que pediu para que levássemos o trabalho para o presídio mais conhecido do Brasil, onde os piores bandidos estão presos: Presídio de Bangu. Fomos até lá e o diretor levou 200 presos (chefes de quadrilhas e traficantes de drogas) para uma área onde pudessem assistir aos programas. No total, foram 40 presos que se prostraram aos pés do Senhor. Por meio do Pr. Marcelo Silva, foi implantada dentro do presídio uma congregação."  

Pr. Wagner Felipe - Coordenador da CONAMAD no Estado do Acre

"Em Chapurí, uma das cidades mais idólatras do país, o projeto foi realizado também dentro de um bar! Foi colocada uma televisão e muitas pessoas puderam assistir aos programas. O filho do dono do bar era alcoólatra há muitos anos e se rendeu aos pés do Senhor Jesus no primeiro dia de programação. O pai doou um grande terreno para nós construirmos uma igreja naquele local."

Pr. Aristóteles Brito - Coordenador das igrejas independentes no Estado de Sergipe

"O Minha Esperança, com sua proposta de salvação, deixou um desejo muito grande nos coração dos pastores de dar continuidade ao projeto por meio da criação de uma unidade denominada FEI – Fundação Evangelística IDE."

Pr. Raimundo Silva - Coordenador da CONAMAD no Estado do Amapá

"Dentre tantos testemunhos, soubemos de um filho de um pastor, afastado durante 20 anos dos caminhos do Senhor, que se reconciliou na primeira noite das transmissões.

Houve, também, um homem que estava paralítico durante 16 anos e os médicos não conseguiam descobrir a causa da paralisia. E, no segundo dia de programação, Jesus o curou! Agora, ele está andando, correndo e glorificando o nome do Senhor!"

Pr. Cleberson Horsth - Coordenador da CGADB no Estado do Rio de Janeiro

"Um homem estava afastado dos caminhos do Senhor durante 20 anos e, por meio do MEB, ele se reconciliou com o Senhor. Interessante é que seu filho de 20 anos de idade (exatamente os anos que ele estava afastado) estava condenado a morte, perdido nas ruas... E ele foi atrás do filho e hoje os dois servem a Cristo na Assembléia de Deus, na cidade de São João do Meriti."

Pr. Marcelo Monteiro - Coordenador das igrejas independentes do Estado do Pará

"Na minha região, numa cidade chamada Portela, realizamos o projeto em uma igreja com 13 membros, sendo mobilizados seis Lares Mateus. O trajeto para chegar nesta igreja é feito somente por barco e mesmo diante algumas dificuldades, 44 pessoas foram salvas para Jesus e esta igreja foi transformada! Deus realizou muitos milagres e até hoje essa igreja continua fazendo o MEB por meio dos DVDs!"

Pr. Raimundo Frank Ribeiro - Coordenador das igrejas independentes no Estado da Bahia

"Poderia dar muitos testemunhos que aconteceram no meu Estado, mas o que eu quero dizer é que o MEB não acabou. Já estamos nos reunindo novamente, utilizando a estrutura e o material para continuar aplicar nas nossas igrejas. Vamos dar continuidade ao projeto como modelo de evangelização para nossas igrejas na Bahia."

Pr. Ademir Ferreira - Coordenador das igrejas independentes no Estado do Paraná

"O sogro do pastor de uma igreja nunca se envolvia com nada na igreja, era uma pessoa fria, mas o pastor conseguiu convencê-lo para assistir às programações. E, no sábado, ao assistir o filme Compromisso Precioso, ele viu naquela história exatamente a sua história de vida! Depois deste dia, ele se transformou: é membro ativo dentro da igreja e faz da sua casa um local de evangelização e edificação de vidas."

Pr. Daguimar Nogueira - Coordenador das igrejas independentes no Estado de Santa Catarina

"Entre tantas maravilhas que aconteceu antes, durante e depois do Projeto Minha Esperança, minha filha de quatro anos de idade aceitou a Jesus Cristo como Salvador de sua vida!"

Pr. José Campelo - Coordenador da CGADB no Estado do Amazonas

"Soube da história de um traficante de drogas que se converteu no último domingo que antecedia aos programas... Então, ele rapidamente convidou todas as pessoas que ele fornecia as drogas para irem à sua casa assistir aos programas... E, graça a Deus, todas elas aceitaram a Cristo.!"

Pr. Sandro Oliveira - Coordenador das igrejas da Paz em Fortaleza

"Tive uma experiência pessoal em um Lar Mateus onde dois casais se renderam aos pés do Senhor. Um dos casais, estava separado havia quatro meses e o casamento foi refeito por meio do Minha Esperança, para Honra e Glória do Senhor."

Pra. Iria Pizani - Coordenadora das igrejas do Evangelho Quadrangular em Roraima, Amazonas, Rondônia e Acre

"Em Roraima, o projeto alcançou comunidades indígenas  onde nós não tínhamos acesso, e houve um resultado de muitas conversões que representaram uma mudança dentro de uma comunidade.

Muitos pastores me reportaram que igrejas foram avivadas para o evangelismo. E eles querem retomar o projeto. O Minha Esperança foi o início de um avivamento dentro da igreja para o evangelismo e para o trabalho com missões."

Pra. Carlos Roberta da Silva - Coordenador da CGADB no Estado de São Paulo

"Um destaque ocorreu em uma congregação, na cidade de Cubatão, no bairro Jardim Europa, bairro periférico, onde o dirigente envolveu a igreja toda e, na semana que antecedeu o projeto, a congregação teve um crescimento de 30% de membros! Somente neste bairro, temos 13 congregações que realizaram o projeto."

Pr. Altair Germano - Coordenador da CGADB no Estado de Pernambuco (Cidade de Abreu e Lima)

"Fiquei muito feliz ao ver um amigo advogado se render aos pés do Senhor. Ele estava com depressão, não saía de casa e estava entregue ao vício do álcool. Não quis assistir aos programas, mas deixei com ele os DVDs... Após assistir , ele foi visitar uma igreja e lá reconheceu Jesus como Salvador e conseguiu parar de beber. Ele até iniciou o discipulado!"

Pr. Cláudia Henrique França - Coordenador das igrejas independentes no Estado do Maranhão

"O que nos marcou muito foi que muitas igrejas se abriram a este modelo de evangelização e muitos pastores me procuram querendo realizar novamente o projeto e aplicar este modelo em suas igrejas".

veja também