Segunda Casa Aberta do Tocantins atrai um público diversificado

Segunda Casa Aberta do Tocantins atrai um público diversificado

Atualizado: Sexta-feira, 15 Outubro de 2010 as 9:28

No último final de semana, os adventistas que vivem em Tocantins tiveram a oportunidade de adquirir literaturas, CDs e DVDs da instituição, além de alimentos naturais por preços atrativos durante a Segunda Casa Aberta do estado. A exposição foi realizada no ginásio da Escola Adventista de Palmas e como paralelo a Casa Aberta estava acontecendo uma programação de outra denominação religiosa, vários fiéis visitaram os estantes da feira.

As pessoas que passaram pelo local foram agraciadas com a performance musical das cantoras Melissa Barcelos e Fernanda Baía, além do cantor Paulo Peruzzo. O quarteto da capital tocantinense Vocal Adventus também se apresentou nos dois dias do evento. Para a alegria da garotada, a turma de bonecos infantis Nosso Amiguinho fez uma longa apresentação.

A cada etapa da Casa Aberta, o público encontra vários produtos por preços especiais, por isso, é comum que muitos aproveitarem para encher a cesta. “Achei os preços bem em conta e, por isso, fiz uma boa compra”, contou animado o goiano Cícero Carlos que estava na cidade a passeio.

“Essa interatividade que a Casa Publicadora proporciona em todo o país é sempre muito bom porque é mais uma oportunidade que as pessoas tem de levar pra casa materiais que vão edificar a vida espiritual de toda a família. Fiquei muito feliz de participar do evento aqui no Tocantins”, revela a cantora carioca Melissa Barcelos. Assim como Melissa, Fernanda Baía também comemorou sua passagem pelo estado. “Adorei participar do evento e no próximo, se me convidarem estarei aqui novamente”, afirma.

“Meu coração está cheio de gratidão a Deus porque os irmãos atenderam o convite, mostrando todo o anseio que eles tem de ter acesso as literaturas da igreja por preços mais acessíveis. Na abertura passamos certo aperto, mas ficamos felizes porque alcançamos o objetivo de oferecer produtos de boa qualidade para igreja”, comemora o tesoureiro da Igreja Adventista para o estado, Paulo Fabrício. Assim como ele, o presidente da mesma instituição, Marcos Militão também mostrou-se otimista. “A Casa Aberta superou nossas expectativas porque esse ano foi mais organizado, com mais pessoas na abertura respondendo positivamente ao convite estendido”, ressalta.

veja também