Ser moldado pode significar sofrimento

Ser moldado pode significar sofrimento

Atualizado: Quarta-feira, 28 Novembro de 2012 as 12:55

 

Leitura Bíblica
Isaías 64.1-8
 
Senhor, tu és o nosso Pai. Nós somos o barro; tu és o oleiro. Todos nós somos obra das tuas mãos (Is 64.8).
 
O profeta Isaías teve experiências marcantes com o Senhor. No sexto capítulo de seu livro lemos sobre a revelação de Deus ao profeta, que provavelmente andava triste e desanimado com a situação de seu povo. A visão de Deus e a conversa com ele serviram para preparar Isaías para os desafios que enfrentaria como profeta. Ele pôde perceber claramente a santidade de Deus, o pecado humano, a necessidade de purificação e a disposição ao serviço. Em meio ao luto pela morte de seu rei, a nação de Judá estava na iminência de sérios conflitos com o Império Assírio. Isaías desejava, como nunca antes na vida, um tempo de paz. Mas para isso era preciso haver dedicação, esforço, disposição, paciência, coragem e esperança. Para viver em paz é necessário admitir e querer ser moldado por Deus (deixar que ele trabalhe em nossa vida).
 
No texto de hoje, o profeta tem outra experiência maravilhosa com Deus. Agora Deus revela o trabalho do oleiro. Nós, criaturas suas, somos a matéria-prima. Deus é o Supremo Artista que cria e molda conforme a sua vontade, a fim de que possamos perceber a paz entre nós e servi-lo com dedicação. Somos barro - o elemento básico da constituição do ser humano. Deus molda a nossa vida assim como o oleiro molda o barro, a fim de chegar à sua obra de arte.
 
Mas para tanto, para se tornar valioso, o barro precisa ser modificado, esmagado, apertado, perder alguns pedaços, assumir uma forma definida e, finalmente, ser levado ao fogo. Esse processo pode ser, em alguns momentos, doloroso. Mas é preciso saber que a dor não se faz presente pelo fato de Deus ser malvado ou vingativo, mas porque a nossa justiça própria sempre nos desvia do correto e eficaz caminho apresentado pela Palavra de Deus. Ser moldado, por isso, pode significar sofrimento. Mas certamente o resultado é gratificante e abençoador. - CM
 

veja também