Ser pastor é fim de carreira para psicopatas, diz Glória Perez

Ser pastor é fim de carreira para psicopatas, diz Glória Perez

Atualizado: Terça-feira, 6 Abril de 2010 as 12

No title Glória Perez usou o seu blog neste domingo, dia 4, para comentar as atividades de Guilherme de Pádua, assassino de sua filha, Daniella Perez, que se tornou fiel de uma igreja evangélica de Minas Gerais [Batistada Lagoinha].

A autora de novelas também citou o assassinato da menina Miriam Brandão, que foi queimada por seus algozes por supostamente ter chorado no cativeiro.

"Um dos seus assassinos, o Wellington, teve a pena extinta e virou pastou: já é dono de 3 igrejas!!!! Sequestrou, incendiou viva uma criança de 5 anos, e hoje ganha a vida contando seu feito! Aliás, Guilherme de Pádua também! Com todo respeito aos fiéis iludidos, parece que se tornou final de carreira para psicopatas assassinos, virar pastor!", desabafou ela.

"Bem que Jesus podia voltar à terra e expulsar de novo, a chicotadas, esses vendilhões do templo!", finalizou a autora de "Caminho das Índias".

veja também