Silas Malafaia diz que PL 122 é um projeto que fere a constituição

Malafaia diz que PL 122 é para 'botar mordaça na sociedade'

Atualizado: Segunda-feira, 21 Maio de 2012 as 8:27

No último sábado, dia 19, aconteceu a Marcha Para Jesus no Rio de Janeiro.

O evento também serviu como manifesto ao PL 122, projeto de lei que criminaliza a homofobia.

O pastor Silas Malafaia esteve no evento e criticou o projeto que tramita no Congresso Nacional, mesmo afirmando não ter nada contra os homossexuais.

"Deus ama a todos, mas amar não significa aceitar seus atos. Não queremos descriminar ninguém", disse ele.

Malafaia questionou o fato de os evangélicos não terem direito de expressar suas ideias sem serem questionados. Liberdade de expressão é pra todo mundo. Liberdade religiosa é pra todo mundo. Não é só pra evangélico não. Isso aqui é pilar democrático”.

O pastor intepreta o PL 122 como uma lei do privilégio com o objetivo de 'botar mordaça na sociedade para ninguém expressar opinião contra os homossexuais'. Esse projeto de lei fere a constituição afirmando que, se um homossexual se sentir constrangido, filosoficamente ou ideologicamente, pode levar a pessoa que o constrangeu a pegar cinco anos de cadeia”, falou Malafaia.


com informações do G1 e da 93FM

veja também