Sobrevivente da tragédia em Teresópolis se casa em culto evangélico

Sobrevivente da tragédia em Teresópolis se casa em culto evangélico

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:21

Uma cerimônia evangélica marcou o casamento de Marcelo Pinheiro e Simone. Há 10 meses, ele escapou milagrosamente de uma grande tragédia e ainda caminhando com dificuldade, ele voltou ao lugar onde viveu um pesadelo, há 297 dias. “Para quem nunca esteve aqui depois que vem realmente é difícil, é complicado”, diz Marcelo.

No dia 12 de janeiro, em Teresópolis, na Região Serrana do Rio. Uma tragédia marcou o início do ano. As chuvas provocaram mais de 900 mortes, em seis municípios. Só em Teresópolis, foram quase 400 vítimas. Uma parte da população perdeu casa, parentes, amigos. A busca por sobreviventes era uma prioridade. E quanto mais o tempo passava, menores as chances de encontrar alguém com vida. Marcelo ficou soterrado por 16 horas, depois de ter sido atingido por uma avalanche de lama. Em cima dele, havia quatro metros de terra e escombros.   O resgate de Marcelo foi registrado por um amigo de infância. As imagens impressionantes foram exibidas pelo Fantástico. “Os milagres acontecem hoje, tanto que sou a prova viva. Estou aqui por causa desse milagre que aconteceu comigo”, lembra Marcelo.

Marcelo passou, quase três meses internado. Ainda na UTI, a noiva, Simone, fez uma surpresa, no dia do aniversário. “Ela é diferente em todos os sentidos. Em todos os aspectos. Eu percebi que não podia perder tempo”.

O casório, inicialmente marcado para o fim de dezembro, foi antecipado para o sábado. Com 17 quilos a menos por causa do tratamento, Marcelo se mostrou vaidoso, preocupado mesmo com a aparência. A roupa foi escolhida por ele. A noiva não viu. E, mantendo a tradição, ela também não mostrou o vestido.   Além das famílias dos noivos, a igreja está cheia de amigos. Muitos deles recentes, amizades que surgiram da solidariedade. Como Leonardo Vargas, ele participou diretamente do salvamento de Marcelo. “Nem quando o meu filho nasceu, creio que fiquei tão feliz”, disse Leonardo na época.

“E continua viva esta idéia. Portanto quando ele me liga, ele me toma a benção e sempre me chama de pai”, conta ele no casamento.   Na troca de alianças, declarações de amor. “Você é um presente de Deus para minha vida”, diz a noiva.  “Eu quero dizer que eu te amo muito, que você é tudo na minha vida”, fala Marcelo.     Com informações do Fantastico  

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições