'Tá na hora?'

'Tá na hora?'

Atualizado: Quarta-feira, 15 Maio de 2013 as 11:36

 

tempo“Ainda não é chegada a minha hora.”
João 2
 
Neste e em outros momentos, Jesus responde que ainda não era sua hora de ser sacrificado. Além de ter objetivos definidos e planejar a realização, é fundamental saber o tempo certo. E essa não é uma tarefa fácil, pois depende de sensibilidade e aplicação responsável da própria personalidade.
 
Há pessoas mais ansiosas, que desejam viver a vida toda no próximo segundo, com clara noção do que a realizam pessoalmente, do que satisfaz suas necessidades e supre suas carências. São rápidas em avaliar situações e conseguem ver uma imagem mais ampla da história, veem “lá na frente” e seus prognósticos geram a inquietação quando são forçadas a ter de esperar.
 
Há pessoas mais vagarosas, receosas de assumir compromissos, ponderadas, às vezes em excesso, desprovidas de desejos pulsantes, não são impulsionadas para novas experiências com facilidades, sugerem acomodação, não demonstram ansiedade da espera.
 
Umas arriscam precipitar e colher verde. Outras, postergar e ver cair o fruto apodrecido. Discernir o tempo certo é a arte de observar o ritmo da vida e inserir o próprio coração nessa dança da existência.
 
 
- Alexandre Robles
 

veja também