Tataravô se batiza aos 90 anos e emociona a internet: "Nunca é tarde demais"

A bisneta de Lindy Cummings contou que ele sempre foi um 'homem bom', mas ainda assim não tinha certeza da salvação.

fonte: Guiame, com informações do Faith Wire

Atualizado: Quarta-feira, 25 Setembro de 2019 as 8:50

A publicação da bisneta do sr. Lindy Cummings está emocionando a internet. (Foto: Facebook / Lyndsey Robinson)
A publicação da bisneta do sr. Lindy Cummings está emocionando a internet. (Foto: Facebook / Lyndsey Robinson)

Um post no Facebook está comovendo a internet, ao mostrar um tataravô que se entregou a Jesus e foi batizado aos 90 anos, após quase uma vida inteira adiando a importante decisão.

A decisão foi estimulada quando os problemas de saúde começaram a aumentar e ele viu de alguma forma a morte se aproximando. Ele começou a contemplar o quadro geral e teve uma péssima projeção sobre o destino de sua alma. Ele finalmente escolheu se entregar a Cristo e ser batizado, como sua bisneta, Lyndsey Robinson, explicou em no post do Facebook que se tornou viral.

Ela conta que ele sempre foi um "homem bom", que cuidou de sua família e nunca lhes deixou faltar nada, além de já estar frequentando a igreja há um tempo, mas ainda não havia tomado a decisão de se entregar a Cristo.

"Pawpaw [vô / bisavô] Lindy é, como Darnell disse hoje à noite, um bom homem. Ele é honesto e sempre tentou fazer o certo por todos. Ele sempre trabalhou. Ele cultivou. Ele foi para Sardis e é membro há muito tempo. Ele é casado com Mawmaw Margie há mais de 70 anos. Ele criou uma família grande e decente: 3 filhos, 7 netos, 14 bisnetos e um bisneto", contou ela.

"Mas, também como Darnell disse hoje à noite, ser / fazer o bem não o levará ao céu. (“Porque pela graça sois salvos pela fé; e isso não vem de vós; é dom de Deus: não é de obras, para que ninguém se glorie.” - Efésios 2: 8-9 KJV). Então, na semana passada, aos 90 anos (91 no próximo domingo), Pawpaw Lindy foi salvo. Esta noite, ele foi batizado. Deus é bom, pessoal! Vocês podem pensar que é tarde demais, mas não é. Você pode pensar que está longe demais, mas não está", acrescentou.

Temor

"Se eu morrer, sei que vou para o inferno". Essas foram as palavras de Lindy Cummings, de 90 anos, (citado como Pawpaw Lindy), um fazendeiro da Geórgia que havia criado com sucesso uma família numerosa, que inclui bisnetos e um tataraneto, quando ele começou a contemplar o destino de sua alma.

"Ele tem tido alguns problemas de saúde ultimamente, principalmente o que está sofrendo agora, com quase 91 anos", disse a bisneta de Lindy, Lindsey Robinson, ao Faithwire. "Ele disse que se lembra de que quando era menino, disse que foi salvo", explica Robinson. "Ele basicamente disse que não achava que realmente entendia, em uma idade tão jovem, a verdadeira magnitude de tal decisão".

Então, apenas no fim de semana passado, "Pawpaw Lindy", como é carinhosamente conhecido, colocou toda e qualquer falha e pecado do passado ao pé da cruz. Ele se entregou a Jesus e queria ser batizado imediatamente.

"Ele fez minha bisavó (Mawmaw Margie) ligar para o nosso pastor, pedindo para ir à casa deles", explicou Lindsay.

"As palavras exatas dele foram: 'Se eu morrer, sei que estou indo para o inferno'. Nosso pastor foi à casa dos meus bisavós, e ele conversou com Pawpaw e orou com ele. Ele aceitou a Cristo. Então, no dia 22, ele foi batizado em nosso culto noturno na igreja. É assim que a foto é ... um de seus sobrinhos e nosso pregador o ajudaram a entrar na água e foram necessários os dois para mergulhá-lo e ajudá-lo a voltar das águas. Ele tinha filhos, netos, bisnetos e seu único tataraneto nos bancos olhando. A fato foi tirada pouco antes de nosso pastor o o mergulhar na água", relatou ela junto a foto publicada.

Repercussão

Usuários das redes sociais em todo os EUA comentaram, celebrando a vida de Lindy Cummings e glorificando a Deus, com muitos dizendo que "nunca é tarde demais" para entregar sua vida a Jesus.

Lindsey ficou impressionada com a repercussão, sem saber que provocaria uma reação tão profunda entre milhares e milhares de estranhos.

"É tão surpreendente para mim que a foto e a mensagem que eu publiquei sobre Pawpaw Lindy na noite passada se tornaram virais", escreveu ela no Facebook. "Não publiquei com a intenção de simplesmente ter muitas curtidas, compartilhamentos e comentários. Mas foi o que aconteceu, no entanto, e as curtidas, comentários e compartilhamentos ainda estão chegando".

Até o momento, a publicação já está com 5 mil reações e mais de 2.200 compartilhamentos.

A parte favorita de Lindsey sobre toda essa atenção voltada à publicação? "Eu amo que o post seja sobre Jesus. Eu amo que todos os comentários nesse post sejam positivos e louvem a Deus. Eu amo que as pessoas estejam dizendo que agora têm esperança para seus entes queridos perdidos. A glória é Dele", explicou ela.

"Pense em quantas pessoas viram a figura do Evangelho (que Deus salva até os mais velhos de seus pecados) desde a noite passada, porque amigos, familiares e estranhos de outros estados 'curtiram' essa postagem ou clicaram no botão de 'compartilhar'. Pense em quantos verão isso", disse Lindsey. "As mídias sociais nem sempre precisam ser uma coisa ruim. Há muitas más notícias compartilhadas diariamente. Mas fico feliz que algumas boas notícias estejam inundando o Facebook e não são apenas boas notícias, são AS BOAS NOVAS", finalizou.

 

veja também