Templo Comaderj funciona no Jardim Aeroporto e, após a derrubado, deverá ir para um barracão

Templo evangélico feito em área irregular vai ser derrubado

Atualizado: Terça-feira, 14 Fevereiro de 2012 as 9:49

A Assembleia de Deus Comaderj é um dos centros de orientação cristã que existem no Jardim Aeroporto. A construção da igreja, que fica no começo da Avenida Recife, porta de entrada do bairro, deve vir ao chão até março próximo.


O motivo é o programa de desfavelamento feito pelo governo municipal em parceria com o governo do Estado. A construção foi feita pela própria comunidade cristã seguidora da igreja evangélica.
Diego Majome, soldador de 28 anos, é o pastor do templo e foi o responsável pelo início da construção em 2003. Ele diz ter comprado o terreno de um homem que morava no local. Segundo ele, o lote foi comprado por R$ 1,5 mil. "Eu sabia que era irregular, mas aqui é assim, também existe comércio de terreno".


A casa do pastor fica a aproximadamente 20 metros do templo. "Eu vou ganhar uma casa no Paiva. Mas a Assembleia não vai ganhar porque o governo vê a igreja como um comércio", diz o pastor já conformado. Diego e outros moradores circunvizinhos mudarão, segundo ele, para o Jardim Paiva, zona Oeste de Ribeirão Preto. A mudança deve acontecer até o fim de março.


O templo foi construído aos poucos. Com dinheiro de dízimo, contribuições e promoções, como a venda de pizza, os fiéis foram erguendo a estrutura, tudo voluntariamente.


Hoje, o lugar conta com piso frio, bancos e cadeiras.


Depois de derrubada, a Assembleia de Deus Comaderj deve ir para um barracão alugado. "Dessa vez, vai ser tudo regular", afirma o pastor.

 

Com informações do Jornal da Cidade

veja também