Tim Keller diz que câncer o fez crer plenamente na ressurreição: “Precisava de mais fé”

Segundo o escritor, seu diagnóstico o levou a uma busca espiritual para crer na ressurreição de Cristo e em sua promessa de também ressuscitar os salvos.

fonte: Guiame, com informações do The Christian Post

Atualizado: Segunda-feira, 5 Abril de 2021 as 4:01

Tim Keller fez uma busca espiritual para crer na ressurreição. (Foto: Reprodução).
Tim Keller fez uma busca espiritual para crer na ressurreição. (Foto: Reprodução).

O escritor cristão mais relevante do século 21, Tim Keller, revelou, em entrevista ao The Christian Post, que acreditava parcialmente na ressurreição de Jesus e dos salvos, até ele ser diagnosticado com câncer e ter uma experiência espiritual com Deus, transformando sua visão sobre a ressurreição.

“Quando você sabe que pode morrer muito, muito em breve, percebe que basicamente vive na negação do fato de sua morte. Quando de repente você tem que perguntar: 'Eu tenho fé para isso? Eu acredito que a ressurreição de Jesus Cristo realmente aconteceu e que se eu morrer na fé em Jesus, também conhecerei essa ressurreição? '”, disse Keller.

O pastor fundador da Igreja Presbiteriana Redeemer, em Nova York (EUA), foi diagnosticado com câncer no pâncreas, aos 70 anos, em maio do ano passado. A doença agressiva já estava no estágio quatro e costuma vitimar os pacientes em um ano.

Em abril de 2020, antes do diagnóstico e da pandemia devastar a cidade de NY, Tim Keller estava escrevendo seu novo livro “Esperança em tempos de medo: a ressurreição e o significado da Páscoa”, uma continuação da série de meditações sobre datas cristãs, que iniciou com o livro “Hidden Christmas”, em 2016.

Assim que as tempestades do câncer e da pandemia chegaram à vida de Keller, a escrita da nova obra foi atingida: “De repente, ficamos isolados, e então descobri que tinha câncer, e o livro mudou completamente ”, lembrou o pastor. 

Tim relatou que foi neste momento que percebeu que sua fé na ressurreição não era completa. “Aqui estou eu, escrevendo um livro sobre a ressurreição, e percebi que só acreditava pela metade que iria morrer. Voltei e percebi que, de certa forma, eu também acreditava apenas pela metade na ressurreição - não tanto intelectualmente, mas no fundo do meu coração. Percebi que precisava ter uma fé maior e mais profunda na ressurreição, tanto intelectual quanto mentalmente”, contou Keller.

Ressurreição: esperança e consolo

Durante os meses seguintes de tratamento contra o câncer, o escritor afirma ter mergulhado numa busca espiritual para aumentar sua fé na ressurreição de Cristo e a sua promessa de também ressuscitar os salvos.

Tim Keller se aprofundou nas evidências históricas da ressurreição de Jesus e se dedicou à oração e às Escrituras, pedindo que o Espírito Santo torna-se a ressurreição real em seu coração.

“Levei vários meses nos quais tive que levar minha crença abstrata no fundo do meu coração para conhecê-la existencial e experiencialmente e crescer em segurança, e funcionou. Se você estiver disposto a abraçar a verdade da Palavra de Deus e mergulhar nela dia após dia, e então pedir ao Espírito Santo para torná-la real em seu coração, Ele o fará”, disse Tim.

Para Keller,enfrentar a própria mortalidade e realidade espiritual, modifica a maneira que vemos nossa passagem na Terra e amplia o poder transformador da ressurreição.

“As coisas da Terra tornam-se menos cruciais. Elas não são tão importantes; você percebe que não precisa delas para ser feliz. Eu não tento transformá-las em Deus; não tento transformá-las no Paraíso, que é a única coisa que pode realmente satisfazer meu coração ”, explicou. 

Para Keller, não apenas um diagnóstico de morte pode nos levar a viver à luz da ressurreição, mas os sofrimentos comuns que passamos.

“É possível praticar isso nas mortes menores que todos nós experimentamos, como a perda de uma carreira, amigo ou ente querido. Nessas situações dolorosas, você tem que fazer essencialmente a mesma coisa que se faz quando lhe dizem que vai morrer: você tem que pegar algo abstrato que acredita sobre Deus e torná-lo real em seu coração, para que Ele torne-se seu consolo. Você não está mais olhando para as coisas deste mundo como a sua salvação”, disse.

Tim Keller está respondendo bem ao tratamento de quimioterapia e por isso ele diz que pode ter “anos e não meses restantes”. “Minha esposa Kathy e eu estamos muito gratos; parece que tenho mais tempo do que pensávamos quando recebemos o diagnóstico originalmente ”, disse o escritor.

Hoje, enfrentando o que pode ser sua última temporada, como o próprio Keller reconhece, o pastor diz que está pronto para qualquer coisa. “O que o futuro reserva, eu não sei. Oro para que eu tenha anos, e não meses, e que a quimioterapia continue a ser eficaz. Mas estamos prontos para tudo o que Deus decidir por mim. Estamos espiritualmente prontos”, afirma.

E conclui: “Eu sei que a ressurreição de Jesus Cristo realmente aconteceu. E quando eu morrer, conhecerei a ressurreição também”.

veja também