Tome posse!

Tome posse!

Atualizado: Quinta-feira, 19 Dezembro de 2013 as 9:05

cruzQuando uma pessoa passa num concurso, é comum que receba um telegrama pedindo que tome posse no cargo para o qual passou. Geralmente, ela tem um prazo para agir sob pena de ficar inútil o seu esforço. E há pessoas que não tomam posse, ou porque não ficaram sabendo de sua vitória ou porque não querem beber o fruto do seu triunfo.
 
Jesus Cristo veio ao mundo para nos chamar para uma vida de qualidade eterna (1 Timóteo 6.12). Sabedor de que não passaríamos no concurso para a salvação, ele fez a prova em nosso lugar. Mandou-nos da cruz um telegrama: “tome posse”.
 
Recebemos a mensagem.
 
Muitos de nós não tomamos posse.
 
Não tomamos posse do amor concedido. E vivemos pelos cantos como se Deus não nos amasse.
 
Não tomamos posse do perdão oferecido. E choramos como se ainda fôssemos culpados.
 
Não tomamos posse da esperança garantida. E lutamos para conquistar o que já foi conquistado.
 
Não tomamos posse da alegria prometida. E vivemos como miseráveis que pedem esmola na calçada do banco em que está depositada a herança milionária que recebemos.
 
Não tomamos posse do sentido do Natal. E contamos a história da chegada de Jesus Cristo como se fosse algo banal, transformando o tempo do seu Nascimento de Deus apenas num feriado, propício para o descanso ou para a troca de presentes entre amigos ou para um intervalo breve em nosso natural e permanente egoísmo.
 
 
fonte: Prazer da Palavra
 

veja também