Um olhar especial

Um olhar especial

Atualizado: Segunda-feira, 2 Julho de 2012 as 11:21

“Porque o SENHOR não vê como vê o homem, pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o SENHOR olha para o coração.” (1 Samuel 16.7b)

Gideão, Moisés, Pedro, Esdras, José, Jefté e Jacó. Sete homens, sete nomes, sete personalidades distintas da Bíblia. Você deve estar se perguntando: “Sim e daí?!” Aposto que a maioria que está lendo esse texto conheça a história de cada um desses personagens bíblicos. O que muitos não devem saber é que estes homens citados acima, apresentavam aos nossos olhos, deficiências, imperfeições, podemos dizer até que incapacidades para cumprir aquilo que Deus havia designado para eles.

Deus tem o poder de usar cada pessoa em sua individualidade e peculiaridade.
Usou Jacó, um enganador; Esdras, escriba; Gideão, fazendeiro; Jefté, filho de uma prostituta; José, que veio a ser escravo; Moisés, gago, pastor em exílio e assassino e Pedro, pescador.

Prestou bem atenção? Olhe para as características de cada personagem citado aqui. Se você tivesse que escolher pessoas para cumprir certas tarefas, escolheria um gago e assassino para falar a uma multidão? Um fazendeiro que nunca utilizou armas de guerra? Um homem que enganou o próprio irmão e seu pai? Um pescador para ser um pastor? Creio que a resposta seja não. Correto?!

Pessoas desprezadas, mal vistas pela sociedade e muitas vezes até ironizadas. Eles não negaram o chamado do Senhor. Mesmo com todos os defeitos e fragilidades, disseram sim ao serviço do Mestre. Renunciaram coisas, passaram por lutas e dificuldades mas em todo momento foram amparados pelo Senhor que os chamou.

Diante dos nossos olhos, prestamos atenção na aparência, na roupa vestida, no modo de andar e de falar, no sotaque, olhamos até para estatura e peso! Mas o Senhor olha para o coração, para o caráter e Ele enxerga coisas que não somos capazes de ver com nossos olhos carnais.

Jesus nos mostrou com sua simplicidade, sua humildade e prontidão no serviço, que nem sempre os mais intelectuais ou mais bem sucedidos, são sempre os melhores. Ele nos falou que um coração sincero e disposto a servir é fundamental para quem quiser agradar a Deus.

Pense nisso! Não fique preso àquilo que te impede de falar do Senhor, não se envergonhe pela sua estatura, não se preocupe com sua aparência ou o jeito que você se veste, como você fala ou de onde você vem. Não se sinta incapacitado quando o assunto é o serviço real ao nosso Eterno Rei. É Deus quem faz a obra! Se Ele te chamou e te escolheu, creia que irá à frente e será contigo em todos os momentos. Apenas deixe Ele te usar e cumprir em ti o Seu querer. Quem sabe o próximo a ser chamado não seja você?!

 

por Diego da Silva Barros

veja também