Um dia, Deus mudará o nome de todos os que foram tornados seus

Nome: cada um terá o seu!

Atualizado: Sexta-feira, 15 Fevereiro de 2013 as 3:18

 

certidão de nascimento
 
Melhor é o longânimo do que o herói da guerra, e o que domina o seu espírito, do que o que toma uma cidade. Pv 16.32
 
Contra o que lutamos? Contra nós mesmos.
 
Daí, melhor a paciência para com o outro:
 
O que precisamos conquistar? A nós mesmos.
 
Daí, melhor dominar o próprio espírito!
 
Quando a gente se conquista, a gente muda;
 
Quando a gente muda, uma parte do mundo muda com a gente.
 
Para isso contamos com o Espírito Santo!
 
Há os sinalizadores e os voluntariosos:
 
Os sinalizadores esperam pelo outro e apontam caminhos.
 
Eles se conquistaram porque sabem do jeito de viver.
 
Deus existe: há um jeito certo de viver.
 
Os voluntariosos só têm tempo para si, para a sua vontade.
 
Até podem vencer guerras, mas não a principal: a guerra consigo mesmo.
 
Há dois Enoques na Bíblia:
 
Um herdou uma cidade que lhe era homônima.
 
A gente não sabe quanto ele viveu.
 
É que só é contado o dia vivido diante de Deus!
 
Sua família, para não mais voltar, saiu da presença de Deus,
 
Sua família quase levou o mundo à destruição.
 
O outro era da família que invocava a Deus…
 
Sabemos quanto tempo e como este viveu.
 
Ele e toda a sua família:
 
Ele andava com Deus! E tanto... Que Deus o tomou para si!
 
O primeiro dominava uma cidade, o segundo se dominava.
 
Quem se domina faz um nome para si.
 
Nome: todos recebem um.
 
Alguns pensam que o nome o fará, e mudam de nome para mudar.
 
Nome é a gente que faz, com a vida que vive.
 
Um dia, porém, Deus mudará o nome de todos os que foram tornados seus
 
Receberemos o nome que, em nós e conosco, o Espírito Santo construiu.
 
Será um salto existencial aos que souberam da importância do nome.
 
Aos que souberam da importância de ser.
 
É o nome fruto do Espírito!
 
Nome: cada um terá o seu!
 
 
por Ariovaldo Ramos
 

veja também