Vereadores de Apucarana-PR derrubam a lei do 'Pai Nosso'

Vereadores de Apucarana-PR derrubam a lei do 'Pai Nosso'

Atualizado: Quarta-feira, 11 Julho de 2012 as 10:37

A Câmara de Apucarana-PR derrubou o Projeto de Lei 102/2012, que determinava a oração do 'Pai Nosso' nas escolas da rede municipal.

O PL teve 7 votos contra e 2 a favor, em votação na noite de segunda-feira, 9 de julho.

O vereador José Airton Araújo, o 'Deco', criador do projeto, não imaginava que sua idéia criasse tanta discórdia. "Eu não imaginava que o projeto teria a repercussão que teve, tornando-se notícia a nível nacional. Também não imaginava que haveria pessoas se levantando contra uma oração importante como o Pai Nosso, deixada pelo próprio Jesus Cristo”, afirmou.

Aprovado por unanimidade em primeira sessão, o projeto causou reação nas redes sociais e contou até com um grupo de estudantes protestando na segunda sessão de votação.

Deco explica que a lei estabelecia a realização e não a obrigação da criança orar.

Aldivino Marques da Cruz Neto (PSC), também vereador, usou uma entrevista dada por Dom Celso Antônio Marchiori, bispo de Apucarana, para justificar a mudança de opinião. “O bispo disse que a intenção do projeto é boa, mas que ele realmente é inconstitucional”.

Os dois votos favoráveis ao projeto foram de Deco e de Valdir Frias (PSD), vice-presidente da Câmara. “Quantas pessoas estão sendo resgatadas do mundo das drogas e da violência pelos meios religiosos? Tenho visto muita gente que se nega a seguir os caminhos cristãos no amor e depois tem que seguir na dor”, justificou Frias.

Leia também:

Assista à participação de Silas Malafaia no Programa do Ratinho

"Entre Lençóis": Aventuras sexuais e deleites da vida a dois


com informações de tnonline

veja também