Vítimas de pedofilia protestam no Vaticano

Vítimas de pedofilia protestam no Vaticano

Atualizado: Segunda-feira, 1 Novembro de 2010 as 8:08

Cerca de cinquenta vítimas, vindas dos quatro cantos do mundo, reuniram-se para uma marcha em direcção à Praça de São Pedro. A polícia barrou-lhes a entrada.

O protesto foi organizado por grupos internacionais de vítimas de pedofilia no seio da Igreja. É o caso do norte-americano Survivors Voice, cujo fundador foi recebido pelo porta-voz do Vaticano. Mas Bernie McDaid não saiu convencido.

"Honestamente, não correu bem. É sempre a mesma conversa, do tipo ‘não sei como posso ajudá-lo, é um problema maior do que imaginámos, queremos ajudar", criticou McDaid.

Sue Cox também faz parte do Survivors Voice e diz que a reunião foi uma visita de mera formalidade. "Sem dúvida vão congratular-se por terem recebido as pessoas, mas não vão fazer nada até mudarem completamente", critica.

O porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi, tentou aproximar-se dos manifestantes, mas foi recebido com gritos de "tenha vergonha" e "basta".

O grupo Survivor's Voice organizou uma petição para que a ONU declare a pedofilia sistemática como um crime contra a humanidade.

veja também