XI Semana do Encarcerado no Maranhão

XI Semana do Encarcerado no Maranhão

Atualizado: Quinta-feira, 16 Setembro de 2010 as 8:47

A Igreja Universal do Reino de Deus do Maranhão participou da XI Semana do Encarcerado com o tema “Nos Passos da Ressocialização Está a Transformação: Compromisso de Todos”. O evento realizado pelo Poder Judiciário aconteceu nas 15 Unidades Prisionais do estado e teve por objetivo debater e refletir sobre as questões relacionadas ao sistema penal, fortalecendo as políticas de reeducação já implantadas e elevar a autoestima dos presidiários, proporcionando condições para a volta ao convívio da sociedade.

  A abertura do encontro ficou por conta do coordenador pelo trabalho evangelístico do estado, pastor Venino Aragão, que foi convidado a fazer a oração de abertura. “A semana foi um grande sucesso para nós como cristãos. Temos obrigação de fazer cumprir a palavra do nosso Deus que diz: ‘Lembrai-vos dos encarcerados, como se presos com eles, dos que sofrem maus tratos, como se, com efeito, vós mesmos em pessoa  fosseis os maltratados’ (Hebreus 13:3)”, comentou.

  Durante toda a semana os presos participaram de diversas atividades, dentre elas, a apresentação de uma peça teatral com o grupo “Força e Arte”, da Companhia Teatral Força Jovem Maranhão; limpeza de pele para as internas do presídio feminino; distribuição de lanches; palestras; e cultos.

  Além dos voluntários da Igreja, autoridades compareceram às diversas Unidades e debateram sobre melhorias ao sistema prisional. De acordo com o secretário adjunto de Administração Penitenciária, João Bispo Serejo, as ações das igrejas dentro dos presídios maranhenses contribuem positivamente para a boa conduta do preso dentro das unidades e também para a ressocialização após o cumprimento da pena.

  Os detentos ficaram em evidência durante toda a semana do evento, onde receberam atenção de diversas camadas da sociedade, mas, para a equipe de visita aos presídios, da Igreja Universal, toda semana é especial. Isso porque há 19 anos, a instituição realiza um trabalho de evangelização semanal, que conta com serviços sociais, doação de livros e jornais, palestras, orações para os detentos, batismo e orientações acerca da Palavra de Deus. “Por meio (da entrega) destes materiais, temos divulgado a Palavra de Deus, semanalmente, nas unidades prisionais. O objetivo é apoiar os detentos para que eles desenvolvam um caráter cristão que garanta a ressocialização e o retorno deles ao convívio da família e da sociedade", finalizou o pastor Aragão.

veja também