Após ser atingido por raio, homem ouve a voz de Deus e volta à vida: “Foi milagre”

Mitch Davis quase experimentou a morte, mas foi resgatado por Deus através de uma oração.

fonte: Guiame, com informações de Gospel Herald

Atualizado: Quinta-feira, 7 Setembro de 2017 as 11:12

Mitch Davis teve experiência de quase morte e ouviu a voz de Deus. (Foto: Tamara Brune-Wharton)
Mitch Davis teve experiência de quase morte e ouviu a voz de Deus. (Foto: Tamara Brune-Wharton)

Um diretor de cinema viveu o roteiro de seu próprio filme após ter uma experiência de quase morte e ouvir a voz de Deus.

Mitch Davis estava acampando com seu filho de 9 anos, outros dois meninos e seu cachorro, Plutão, nas montanhas do Colorado, nos Estados Unidos.

“As lembranças daquele momento foram completamente apagadas, mas os meninos me contaram que o relâmpago atravessou o telhado da tenda, me atingiu e eu voltei”, disse Davis ao site Gospel Herald.

“Uma boa parte do relâmpago que atingiu meu corpo saiu da minha mão direita, atingiu a criança que estava ao meu lado e saltou para a outra criança. Eles me contaram que eu estava de costas e meus olhos estavam abertos, mas estava paralisado. Eles pensaram que eu estava morto”, lembra Davis.

Embora Davis não se lembre desse instante, alguns minutos depois ele conseguiu ouvir o que estava acontecendo ao seu redor. “Eu podia ouvir os meninos chorando, gritando e orando por mim. Ouvi meu filho dizer: ‘Não morra, pai! Por favor, não morra’. Ouvi um dos meninos prometer a Deus que nunca mais faria algo errado se eu acordasse. Eu podia ouvir, mas não conseguia responder ou reagir”, afirma.

Com o corpo fraco, Davis sabia que estava morrendo. “Eu sentia que estava indo embora e não iria voltar. Foi uma experiência muito assustadora. Mas eu sentia que se eu orasse, de alguma forma seria livrado dessa escuridão. Só eu não conseguia nem mesmo formular uma oração em minha mente, porque eu sentia que estava sendo sufocado”.

Direção

No entanto, prestes a morrer, Davis ouviu a voz de Deus. “Ele expressou Seu amor por mim, sua aprovação de mim e disse com muita clareza: ‘Peça com confiança’. Eu me senti encorajado por Deus a orar e esperar um milagre”, ele relata.

Davis conseguiu dizer uma palavra: Pai. Assim que pronunciou essa palavra, ele saiu do estado de paralisia. “Meus olhos se movimentaram, levantei minha cabeça, olhei ao redor. Eu estava consciente. A escuridão tinha desaparecido e eu estava vivo”, disse.

“Deus me deixou uma mensagem: ‘Eu te amo, você é bom, peça com confiança. Eu vou ouvir suas orações e as responderei”, ressalta Davis.

Essa intensa experiência inspirou Davis a dirigir o filme “The Stray”, que estará nos cinemas dos EUA em outubro. O longa terá como protagonista Plutão, o cão que ajudou a restaurar os problemas da família. Não há previsão para lançamento no Brasil.

Davis teve seu tímpano prejudicado e outras poucas sequelas, mas saiu muito mais fortalecido dessa experiência.

“Eu fui resgatado de escuridão que nunca tinha visto antes. A Bíblia se refere a ela como a morte e inferno, foi assim que senti. Aquela força buscava minha total destruição”, destaca. “Mas Deus sabia que eu precisava de sua ajuda, estendeu Sua mão e me salvou”.

veja também