Após ser declarada morta, mulher volta à vida dizendo que o céu “é real”

O coração de Tina Hines parou por um total de cinco vezes, e durante esse tempo, ela teve uma experiência com o céu.

fonte: Guiame, com informações da CBS 5

Atualizado: Segunda-feira, 24 Junho de 2019 as 9:43

Quando Tina Hines voltou à vida, pediu papel e caneta e escreveu as palavras ‘é real’. (Foto: Reprodução/Instagram)
Quando Tina Hines voltou à vida, pediu papel e caneta e escreveu as palavras ‘é real’. (Foto: Reprodução/Instagram)

Depois de sofrer um grave ataque cardíaco, uma mulher norte-americana foi declarada morta pelos paramédicos. Enquanto era reanimada por aparelhos, ela teve uma visão do céu que aprofundou sua fé.

No ano passado, Tina Hines estava caminhando pela manhã com seu marido em Phoenix, no Arizona (EUA), quando de repente caiu no chão. Seu esposo, Brian, não conseguiu entender a origem do ataque cardíaco, já que ela sempre teve uma vida saudável.

“Os olhos dela não se fecharam e se reviraram. Ela estava roxa e não fazia nenhum barulho, nem respirava”, contou Brian Hines à uma emissora afiliada da CBS.

Brian conseguiu trazer Tina de volta à vida fazendo reanimação cardiopulmonar, mas seu coração parou novamente. Os paramédicos chegaram e também tentaram reanimá-la, mas seu coração parou mais três vezes.

Tina foi trazida de volta por um total de cinco vezes, e durante esse tempo, ela conta que viu o céu. “Era tão real, as cores eram tão vibrantes”, relata. Ela afirma que viu portões pretos e Jesus em pé na frente deles, com um forte brilho atrás dele.

Quando Tina voltou, ela fez sinal pedindo um pedaço de papel e uma caneta e escreveu as palavras “é real”.

A história de Tina viralizou nas redes sociais na última terça-feira (18), quando sua sobrinha, Madie Johnson, publicou uma foto no Instagram contando sua história de milagres. A jovem fez uma tatuagem com a frase “é real”, usando a caligrafia de sua tia.


Madie Johnson fez uma tatuagem com a frase “é real”, usando a caligrafia de sua tia. (Foto: Reprodução/Instagram)

“Ela foi colocada em um desfibrilador e, depois de milagrosamente acordar, a primeira coisa que ela fez, incapaz de falar porque ela estava entubada, foi pedir uma caneta e no diário do meu primo escreveu ‘é real’. As pessoas na sala perguntaram: ‘o que é real?’ E ela respondeu apontando para o céu, com lágrimas nos olhos”, relatou Madie na legenda.

“Sua história é real demais para não compartilhar e me deu uma confiança mais forte em uma fé que muitas vezes não é vista. Isso me deu uma clareza para uma esperança eterna que não está muito longe. Eu te amo @_tinahines! A maneira que você corajosamente ama Jesus e os outros mudou a maneira que eu espero viver e amar”, acrescentou.

veja também