Ator de Game of Thrones visita crianças soldados no Sudão do Sul: “Fui transformado”

Embaixador da organização cristã Visão Mundial, Jerome Flynn relata as histórias dramáticas das crianças com as quais se encontrou no país.

fonte: Guiame, com informações do Christian Post

Atualizado: Terça-feira, 9 Abril de 2019 as 10:49

Jerome Flynn encontra crianças marcadas pela brutal guerra civil do Sudão do Sul. (Foto: Reprodução/World Vision)
Jerome Flynn encontra crianças marcadas pela brutal guerra civil do Sudão do Sul. (Foto: Reprodução/World Vision)

O ator inglês Jerome Flynn diz que as histórias que ouviu de crianças com cicatrizes de guerra durante uma recente viagem ao Sudão do Sul foram “quase dolorosas demais para suportar”. A visita foi feita por Flynn em março como embaixador da organização cristã World Vision (Visão Mundial).

Flynn, que interpreta Bronn na famosa série Game of Thrones, disse que ele foi “transformado para sempre” ao ouvir as histórias das crianças que ele conheceu no país. Ele disse que ouviu  relator “inimagináveis” de crianças que foram sequestradas por grupos armados, que as forçaram a lutar e matar pessoas.

Durante seu tempo no país, ele conheceu algumas das crianças que a Visão Mundial está ajudando a curar do trauma de suas experiências resultantes da longa guerra civil de cinco anos que dividiu o país desde que conquistou a independência em 2011.

Pelo menos 400 mil pessoas foram mortas no conflito, enquanto a Visão Mundial disse que pelo menos 19 mil crianças foram forçadas a participar de grupos armados.

Algumas crianças disseram-lhe que tinham visto outras crianças serem mortas “por não se manterem”.

Outros relatos revelaram a dimensão da devastação para as comunidades, com casas e vilarejos sendo queimados, obrigando as pessoas a procurar abrigo nos campos de deslocados onde há pouca comida e nenhuma provisão educacional.

“As crianças me contaram sobre horrores inimagináveis ​​que tinham visto e experimentado”, disse o ator.

“Muitos perderam mães, pais, irmãos e irmãs e foram forçados a fazer escolhas que nenhuma criança deveria ter que fazer, apenas para sobreviver”, disse Flynn.

O ator conta que conheceu “famílias despedaçadas por causa do conflito e conversei com pais que tiveram filhos e filhas arrancados deles. As histórias deles sobre o que tiveram que suportar era dolorosa demais para suportar”.

Esperança

Apesar das tragédias humanas, Flynn disse que havia pequenos sinais de esperança em “um país dilacerado pela guerra”, entre as crianças e famílias afetadas, que ele chamou de “resilientes”

Cristão criado na Igreja da Inglaterra, Flynn disse que a “assistência humanitária da Visão Mundial está ajudando famílias desesperadas a unir suas vidas em meio ao caos”.

“Fiquei impressionado com a capacidade de resistência das crianças, me senti humilhado pelo espírito delas e inspirado pela determinação de encontrar a felicidade”, relatou

“Eu vi como a guerra custa às crianças sua inocência, mas nem sempre destrói suas infâncias. A bravura das crianças que conheci permanecerá comigo para sempre.”

A World Vision está alertando que o mais recente acordo de paz está em perigo, com o país em risco de mergulhar em um conflito total novamente se ele deixar de formar um exército nacional de forças rebeldes e do governo até 12 de maio.

“O mais recente acordo de paz do Sudão do Sul está por um fio e a situação está desesperadora”, disse Flynn.

“É preciso ajudar urgentemente para proteger as crianças de mais violência. Infelizmente, existem milhares de crianças em todo o mundo que precisam de apoio agora. Por favor, dê generosamente para ajudá-las”, apelou o ator.

veja também