"Deus agiu e desviou a faca", diz filho de Jair Bolsonaro após ataque

O candidato foi atacado enquanto fazia campanha política em Juiz de Fora (MG).

Fonte: Guiame, com informações do O GloboAtualizado: quinta-feira, 6 de setembro de 2018 20:48
Bolsonaro estava usando um colete à prova de balas e por isso sofreu apenas um ferimento superficial. (Foto: Reprodução).
Bolsonaro estava usando um colete à prova de balas e por isso sofreu apenas um ferimento superficial. (Foto: Reprodução).

Jair Bolsonaro, candidato à Presidência do Brasil pelo PSL, foi atingido por uma facada enquanto fazia campanha política em Juiz de Fora (MG). No momento do ataque, um grande tumulto foi formado e o candidato foi retirado do local pelos seguranças.

Bolsonaro estava usando um colete à prova de balas e por isso sofreu apenas um ferimento superficial, segundo uma fonte ligada ao candidato. O suspeito do ataque foi detido.

No momento do ataque, o presidenciável estava sendo carregado pelos seus apoiadores. No vídeo que circula pela internet é possível ver a expressão de dor que ele faz. Logo após foi retirado do tumulto em um carro da Polícia Federal e levado para a Santa Casa de Misericórdia.

O filho do candidato, Flávio Bolsonaro, em entrevista para a Globo News, disse que Deus interveio em favor de seu pai. "Deus agiu naquele momento. Tinha uma pessoa perto e percebeu que alguém ia tentar dar uma facada na altura do coração, quase. Mas não entrou como ele gostaria. Deus desviou a faca".

Ele ainda usou as redes sociais para pedir orações. “Jair Bolsonaro sofreu um atentado agora em Juiz de Fora, uma estocada com faca na região do abdômen. Graças a Deus, foi apenas superficial e ele pesa bem. Peço que intensifiquem as orações por nós”, publicou.

O homem que esfaqueou o candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, em Juiz de Fora (MG) foi preso em flagrante, informou a Polícia Federal em nota. A PF não divulgou a identidade do agressor mas, segundo a Polícia Civil mineira, trata-se de Adélio Bispo de Oliveira, 40 anos.

"O agressor foi preso em flagrante e conduzido para a Delegacia da PF naquele município. Foi instaurado inquérito policial para apurar as circunstâncias do fato", diz o comunicado.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições