Globo veta novela sobre a volta de Jesus Cristo à Terra

A história causou desconforto porque a novela poderia ser vista como bíblica – o que é prática apurada da concorrente Record –, mesmo não sendo uma novela de época. Mas não foi só isso. Além de mostrar o renascimento de Jesus, a sinopse previa tramas com a atuação de nazistas no Brasil e a clonagem de seres humanos.

Fonte: Guiame, com informações de Notícias da TVAtualizado: terça-feira, 28 de julho de 2015 14:39
O veto deixou Benedito Ruy Barbosa irritado, que reclamou à direção da Globo. (Foto: Globo)
O veto deixou Benedito Ruy Barbosa irritado, que reclamou à direção da Globo. (Foto: Globo)

 

A sinopse da novela que mostraria Jesus Cristo vivendo em meio a sociedade nos dias atuais foi rejeitada pela Globo. A proposta de Benedito Ruy Barbosa, um dos principais autores da teledramaturgia nacional, dividiu opiniões na Globo desde o início, mas o veto acabou sendo a resposta final do Departamento de Dramaturgia Diária.

A história causou desconforto porque a novela poderia ser vista como bíblica – o que é prática apurada da concorrente Record –, mesmo não sendo uma novela de época. Mas não foi só isso. Além de mostrar o renascimento de Jesus, a sinopse previa tramas com a atuação de nazistas no Brasil e a clonagem de seres humanos.

Diante do potencial "explosivo" por causa da mistura de elementos, a Globo optou por não produzir a novela. De acordo com um executivo da emissora, a temática religiosa, por si só, já seria perigosa, pois a abordagem poderia desagradar cristãos de diferentes igrejas – de católicos a evangélicos. A trama mostraria Jesus, que passou pela terra sem pecado, como um ser comum, com todos os defeitos de um ser contemporâneo.

O veto deixou Benedito Ruy Barbosa irritado, que reclamou à direção da Globo. Ele não gostou de saber por e-mail que sua ideia, vista dentro da Globo como excêntrica, foi rejeitada, sem direito a uma revisão para ajustes.

Barbosa foi autor de O Rei do Gado (1996), Terra Nostra (1999) e Meu Pedacinho de Chão (2014). Atualmente, Barbosa se dedica à supervisão de Velho Chico, que sua filha Edmara escreve para entrar no ar em meados de 2016, na faixa das 18h.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições