Jovem perdoa irmão que assassinou sua mãe: “Estou orando pela cura dele”

Apegado à sua fé, Calvin perdoou seu irmão após ter matado a tiros sua mãe e o caçula da família. Juntos, eles formavam uma banda gospel nos Estados Unidos.

fonte: Guiame, com informações de The Christian Post

Atualizado: Terça-feira, 27 Junho de 2017 as 1:44

Jacob (destacado em vermelho) matou seu irmão James, à esquerda e mãe Kathryn, na foto. (Foto: GoFundMe)
Jacob (destacado em vermelho) matou seu irmão James, à esquerda e mãe Kathryn, na foto. (Foto: GoFundMe)

O músico Jacob T. Stockdale matou a tiros seu irmão e sua mãe na fazenda da família no Condado de Stark, em Ohio, nos Estados Unidos. Depois de cometer o crime, ele atirou em si mesmo mas ainda permanece com vida, em estado crítico.

De acordo com a polícia, o jovem de 25 anos matou em 15 de junho seu irmão James W. Stockdale, 21, e sua mãe, Kathryn B. Stockdale, 54, por razões ainda desconhecidas. O criminoso foi levado para um hospital na cidade de Cleveland.

Embora o crime tenha devastado a família, um dos irmãos do assassino, Calvin Stockdale, disse nesta segunda feira que o perdoa. “Eu não sei por que Jacob fez isso, mas sei que ele é meu irmão. Nós o amamos ele e perdoamos”, afirmou.

“As orações e apoio pela minha família foram muito importantes e pedimos orações pela cura de Jacob — corpo, mente e espírito”, Calvin acrescentou.

A família Stockdale é membro da Igreja Reformada Zion, que faz parte da Igreja Presbiteriana na América.

“A tragédia que se abateu sobre a família Stockdale afetou todos nós”, disse a igreja em um comunicado, acrescentando que irá ajudar com as despesas médicas e funerárias.

Calvin descreveu as melhores lembranças de seus irmãos em um comunicado na sexta-feira. “James, nosso irmão caçula, sempre foi a diversão da família. Além de ser um músico talentoso, ele gostava de dançar e tinha um amor inato pelas pessoas. Ele deixa para trás muitos amigos e uma família que o ama muito”.

Os irmãos da família Stockdale formavam uma banda de bluegrass com músicas cristãs. Desde que a tragédia atingiu a família, todos os perfis online relacionados à banda foram suspensos.

O patriarca da família, Tim Stockdale, estava trabalhando quando o crime ocorreu e foi avisado pela polícia depois de chegar em casa.

“Kathy tem sido a minha amada esposa há 32 anos e uma mãe maravilhosa para os nossos quatro filhos. Ela amava ser mãe e avó. Ela era apaixonado por sua fé cristã, uma vida saudável e pela agricultura orgânica”, disse Tim.

veja também