Ladrão se entrega a Jesus na prisão e devolve US$ 200 mil em itens roubados

Homem começou a estudar a Bíblia na prisão acompanhado de um capelão, e se arrependeu de seus pecados.

fonte: Reprodução, God Reports

Atualizado: Segunda-feira, 6 Maio de 2019 as 11:30

Prisioneiro volta-se para Jesus e tem experiências com Deus. (Foto: Reprodução/God Reports)
Prisioneiro volta-se para Jesus e tem experiências com Deus. (Foto: Reprodução/God Reports)

Depois de anos e anos roubando uma famosa loja de departamentos de ferramentas onde trabalhava, Mark (nome fictício) foi preso por roubo. Ele foi condenado e sentenciado a 45 dias de prisão.

“Então ele programou sobre o que faria em seu ‘tempo de férias’ acumulado por sua sentença de prisão”, diz o capelão Dan, que trabalhou com Mark.

Mark deciciu participar de estudos bíblicos na Cadeia do Condado, em Los Angeles, onde foi “radicalmente salvo”, nas palavras de Dan.

Quando Mark foi libertado, ele guardava US$ 200.000 em ferramentas elétricas roubadas, mantendo-as escondidas dentro de banheiros e em outros lugares.

Dan conta que “Mark sabia que tinha que entregar os bens roubados como parte de seu arrependimento. Ele tentou oferecê-los à igreja local, que os recusou e instruiu-o a devolvê-los à loja de ferramentas onde trabalhava”.

No entanto, Mark corria o risco de voltar à prisão ao devolvê-las, pois constituiria uma evidência contra ele, que poderia levá-lo a outra condenação.

“Mas Mark foi sincero em servir a Jesus. Então ele foi para a loja e entregou tudo de volta”, conta Dan. Os funcionários da empresa ficaram surpresos e agradecidos.

“Felizmente, eles não o acusaram e Mark pode continuar livre”, diz o capelão que o acompanha.

Ajudando a salvar pessoas

Mike também trabalhava em uma das lojas e era amigo de Mark, mas ambos estavam separados por causa de brigas com relação aos roubos que fizeram juntos.

Quando Mark devolveu a mercadoria para seu chefe na loja, Mike não tinha parte dela. Ele pensou que Mark estava tentando enquadrá-lo plantando mercadorias roubadas em seu escritório.

Ao devolver a mercadoria, Mark manteve seu emprego. A inimizade entre Mike e Mark fez com que cada um pensasse algo do outro. “Mark achava que Mike era um ‘cabeça quente’, e Mike achava que Mark era um ‘super criador de intrigas’”, diz Dan.

Mas apesar dessa situação, Dan conta que Mike também foi salvo. O capelão, que conhecia os dois, sugeriu que os “amigos” conversassem e se entendessem. “Eles marcaram um encontro, conversaram e tornaram-se bons amigos no Senhor”, diz Dan.

De tempos em tempos, Mark vai para o North County Correctional Facility, ao sul do Lago Castaic, para compartilhar seu testemunho. Quando contou sobre a restituição das ferramentas para a loja, dois homens caíram de suas cadeiras ‘berrando’”, conta o capelão.

“Eu quero isso”, disse um deles. “Deus é real.”

“Não foi nem mesmo o chamado do altar, e aqui o Espírito Santo caiu sobre eles e eles estavam prontos para aceitar Jesus”, diz Dan. “É incrível os tipos de coisas que estão acontecendo neste ministério.”

Mark continua a servir Jesus e muitos prisioneiros aceitam Jesus em seu ministério na prisão. “Ele não voltou para a vida de crime, mas mantem-se no caminho de reincidência em Cristo”, testemunha Dan.

veja também