Livro para crianças com beijo gay vira alvo de polêmica após oposição de Crivella

O romance gráfico 'Vingadores, a cruzada das crianças' mostra beijo entre dois personagens masculinos.

fonte: Guiame, com informações do G1 e Estadão

Atualizado: Sexta-feira, 6 Setembro de 2019 as 2:34

Segundo Crivella, “livros assim precisam estar em um plástico preto, lacrado, avisando o conteúdo”. (Foto: Reprodução/Rede Social)
Segundo Crivella, “livros assim precisam estar em um plástico preto, lacrado, avisando o conteúdo”. (Foto: Reprodução/Rede Social)

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, anunciou nesta quinta-feira (05) que determinou o recolhimento de uma HQ dos Vingadores da Bienal do Livro por seu "conteúdo impróprio para menores".

Trata-se da história em quadrinhos Vingadores - A Cruzada das Crianças, da Marvel Comics. Na obra, que foi lançada em 2010 e não é destinada ao público infantil, os personagens Wiccano e Hulkling são namorados.

Em seu Twitter, o prefeito carioca anunciou que a obra já havia sido "denunciada na Internet e que traz conteúdo sexual para menores". Ainda de acordo com Crivella, "livros assim precisam estar embalados com plástico preto e lacrados".

“Pessoal, precisamos proteger as nossas crianças. Por isso, determinamos que os organizadores da Bienal recolhessem os livros com conteúdos impróprios para menores”, escreveu Crivella em seu Twitter.

“Não é correto que elas tenham acesso precoce a assuntos que não estão de acordo com suas idades”, concluiu.

Antes de Crivella, o livro já havia sido criticado nas redes sociais pelo vereador do Rio de Janeiro Alexandre Isquierdo, que classificou sua venda como "um crime absurdo" e disse que a HQ é "divulgação homossexual para as crianças".

Na postagem o prefeito não esclarece com base em qual norma legal emitiu a determinação, se o livro foi efetivamente recolhido nem se a prefeitura vai aplicar alguma punição caso a determinação não seja cumprida.

veja também