André Valadão: "Estamos 'literalmente' em uma batalha"

André Valadão: "Estamos 'literalmente' em uma batalha"

Atualizado: Terça-feira, 24 Novembro de 2009 as 12

Certa vez um menino andava pela rua e levou uma pedrada na cabeça! Ao receber a pedrada no meio da testa ficou nervoso e assustado. Ao passar a mão sobre a testa percebeu que sangrava. Revoltado com o acontecido pegou a pedra e começou a socá-la e xingá-la, e sem perceber foi se ferindo ainda mais ao dar socos constantes na pedra que o atingiu. Somente minutos depois de ter descontado a raiva ele passou, então, a sentir a dor nas mãos, e o sangue agora corria não apenas em sua testa, mas também em sua mão ferida.

Como nos esquecemos que nossa luta não é contra carne e sangue, mas contra principados e potestades do mal, contra forças das trevas que tentam nos desviar o foco! Sua luta não é diretamente contra seu patrão, parente, vizinho? Quantas vezes ferimos as pessoas que mais amamos por não termos a sensibilidade espiritual de compreender que o diabo usa de estratégias para agredirmos uns aos outros. Deve ter acontecido com você de estar em casa, estar tudo bem, e de repente, é como se uma nuvem negra entrasse em sua casa. Do nada você começa a discutir, ou então, como uma faísca de discórdia gera um verdadeiro incêndio no seu lar. No fim das contas, agimos como esse menino que batia na pedra sem procurar quem realmente a jogou. Muitas vezes ferimos quem está à nossa frente e esquecemos que todos podemos, de certa forma, vacilar e dar espaço para que o inimigo nos use para ferirmos pessoas que amamos.

Todos nós precisamos lembrar que estamos "literalmente" em uma batalha, guerreando constantemente contra as forças do mal. Jesus disse claramente: "? Eu vim para destruir as obras do diabo." Havia nele um objetivo claro e definido: destruir tudo o que era infernal. Precisamos da mesma definição em nossa vida, guerrear com o nosso real inimigo, lutar, mesmo sabendo que a vitória já é certa, afinal o apóstolo Paulo disse que lutamos o "bom combate da fé". Bem, bom combate é aquele em que vencemos, caso contrário não seria bom. Talvez você hoje tenha ferido uma pessoa, agredido com palavras, atitudes ou até fisicamente. Ou quem sabe, você foi agredido! Saiba que a cura de Deus estará sempre disponível a todo aquele que crer, liberada como um óleo para ser passado onde existe a dor e o sofrimento.

Escrevo para você orando, nesse exato momento, e sentindo muita compaixão, vontade de tomá-lo em meus braços como faço com meu filho e orar por você. Sem perceber, muitos que leem esta coluna jogaram fora o casamento, o trabalho, o ministério, mas saiba: DEUS NÃO JOGOU VOCÊ FORA, DEUS NAO FERIU E NEM DESTRUIU  VOCÊ, PELO CONTRÁRIO, ELE ESTÁ LHE CURANDO AGORA! Que seus olhos vejam além das pessoas, além desse mundo material e passageiro. Firme-se em Deus, olhe só para Ele, e não se esqueça que satanás é quem joga pedras para lhe ferir, e não uma pessoa. Tome cada uma dessas pedras e faça delas degraus de crescimento para sua vida! Que Jesus o abençoe, seja curado e não viva ferindo os que estão ao seu redor, afinal DEUS É AMOR.

Com amor,

AV.

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também