Caminhoneiro leva polícia a localizar assassino de pastor em Londrina

Caminhoneiro leva polícia a localizar assassino de pastor em Londrina

Atualizado: Quinta-feira, 24 Novembro de 2011 as 10:24

Após quatro anos e seis meses, a Polícia Civil (PC) de Londrina conseguiu localizar o homem que matou em 2007 o pastor Erinaldo Lopes da Silva. O desfecho do caso se deu na última segunda-feira (21) após a denúncia de um caminhoneiro, que teve o nome utilizado pelo bandido e está preso na cidade São José dos Quatro Marcos, no Mato Grosso.

O pastor foi morto no dia 18 de maio de 2007, durante um assalto à Igreja Evangélica Poço de Água, localizada na Vila Casoni, área central de Londrina. O bandido entrou no local, rendeu fiéis e o pastor e roubou pertences pessoais das vítimas.

O pastor morreu após levar um tiro na cabeça. Ele teria colocado as mãos no bolso para entregar as chaves do carro, mas o ladrão logo disparou contra ele. À época, a PC chegou ao nome de Luiz Antônio Rodrigues como o autor do latrocínio, mas não conseguiu localizá-lo.

O delegado adjunto da 10ª Subdivisão Policial (10ªSDP), Manoel Pelisson, contou que o caminhoneiro - identificado apenas como Clair - procurou a delegacia nesta segunda-feira. Ele contou que tentou pegar um frete, mas não conseguiu devido à restrição criminal em seu nome.

Clair teria seguido com as investigações por conta própria e verificou que Luiz Antônio Rodrigues teria se apossado de seu registro para escapar da prisão no Paraná. "Nós encaminhamos fotografias, dados da ocorrência e digitais e na terça-feira (22) à polícia do Mato Grosso para confirmar que se tratava do autor do assassinato do pastor", contou Pelisson.

O delegado adjunto disse que após a informação, o mandado de prisão foi cumprido. Luiz Antônio Rodrigues já cumpre pena por tentativa de homicídio e tráfico de drogas e, de acordo com Pelisson, ele deverá ir a júri popular e só depois disso é que a Justiça deve decidir qual pena deverá cumprir.     Com informações de O DIário

veja também